Envie um artigo
Ir ao blog

Personal Branding: como ser a escolha óbvia para o seu futuro cliente? A estratégia definitiva.

98
Wow-Score
A pontuação Wow-Score mostra o quão atrativa é uma postagem de blog. É calculada com base na relação entre o tempo de leitura de usuários ativos, a velocidade de rolagem e o tamanho do artigo.
Saiba mais

Personal Branding: como ser a escolha óbvia para o seu futuro cliente? A estratégia definitiva.

Anne Lira
Personal Branding: como ser a escolha óbvia para o seu futuro cliente? A estratégia definitiva.

Você já sentiu isso?

Finalmente encontrou um meio de ajudar as pessoas, fazendo o que você gosta e ainda faturar com isso.

Porém, o medo de ser considerado “apenas mais um” no mercado e ter de fechar as portas por falta de pessoas interessadas na sua solução te persegue?

Como resposta, você vem aplicando várias técnicas de divulgação do seu negócio e nenhuma delas dá o resultado esperado por você?

O erro pode estar na falta de personalidade do seu negócio. Isso mesmo!

O seu negócio ele realmente expressa quem você é?

Investir em personal branding faz com que você seja lembrado não só pela prática do seu trabalho, mas também por questões da sua imagem construída, o que cria empatia e influencia, inclusive, nas campanhas publicitárias que realiza (Bandeira, 2015).

Continue comigo, pois vamos falar sobre:

  • O que é Personal Branding?
  • Construindo os alicerces de uma marca pessoal forte: Valores, Missão e Visão
  • Como achar meu diferencial único e ser a escolha óbvia para meu futuro cliente
  • Como comunico tudo isso: diretrizes para a identidade da sua marca

O que é Personal Branding

Resumidamente, seria isso:

É o processo de desenvolver uma marca que é criada em volta do seu nome. Você usa essa marca para expressar e comunicar suas habilidades, personalidade e valores que defende. (Thebalance.com, tradução livre).

O personal branding ajuda você a conhecer quem você é e ser valorizado por isso, a se tornar mais atrativo para os outros, a inspirar confiança e distinguir você em qualquer campo que tenha escolhido para atuar (tradução livre).

— Robin Fisher Roffer -  Founder & CEO - Big Fish Marketing Inc.

Assumir o controle da sua marca pessoal (personal brand) é construir e ter uma identidade própria, a qual te diferenciará do restante no mercado.

Também te ajuda a se comunicar com as pessoas certas, a fortalecer seu posicionamento e aumenta o valor percebido por seu público alvo.

E deixa claro para seu prospecto cliente, porque você é a escolha óbvia para ele.

Todos nós temos uma “marca pessoal”, que é o modo como somos percebidos pelos outros e se você não desenvolve sua marca, os outros o farão por você.

O momento agora é o de assumir a responsabilidade. Construir sua marca pessoal é pegar as régias da sua carreira e desenvolver como você quer ser visto no mercado. 

Como decidir como quero ser visto no mercado – Definindo sua estratégia de personal branding

Sua marca pessoal é a soma total do que você faz, como você faz isso e por que você o faz. Não é algo que você possa fingir. É algo autêntico e profundo (entrepreneur.com, tradução livre).

Dica:

Mesmo tendo a palavra “pessoal” no nome, o foco aqui não é apenas você.

Não é apenas sobre o seu trabalho, sobre suas experiências, sobre seus “dons” ou suas conquistas.

É sobre como você pode ajudar as outras pessoas. É como você pode usar sua experiência e competências para transformar a vida de outros.

O foco não é você, é o outro.

Com isso em mente, partiremos para sua estratégia de personal branding

1. CONSTRUINDO OS ALICERCES: Valores, Missão e Visão

missão, visão e valoresFoto Pexels.com

O primeiro passo no processo de personal branding é descobrir quem você realmente é e o que deseja da sua vida. Muitas vezes, essa autoanálise é a parte mais difícil. Aqui está o que você precisa identificar:

VALORES:

Esses são os princípios básicos que nortearão sua vida, não apenas a pessoal, como também a profissional. Toda ação que tomar, deverá estar de acordo com os valores que você definiu para si. Faça uma lista contendo até 10 valores que você não abre mão. Ao lado de cada um, escreva uma breve declaração do porquê ele é importante para você.

MISSÃO:

Uma declaração clara e objetiva do porquê você veio ao mundo e por que as pessoas deveriam se importar com isso. Basicamente, responda as essas perguntas nessa ordem:

  • Por que você faz?
  • Para quem você faz?
  • O que você faz?
  • Dica: assista ao vídeo curto, porém fantástico: TED Simon Sinek - Como grandes líderes inspiram ação

VISÃO:

Uma declaração clara e objetiva de onde você quer chegar. É a realidade que você deseja viver em um futuro de médio a longo prazo. Imagine-a como uma super-meta. Sua visão deve ser real, possível de ser alcançada (há tecnologias/recursos disponíveis?). Uma ótima declaração de visão inspira e uni as pessoas.

SWOT Pessoal:

Por meio da análise SWOT Pessoal você identificará:

Suas forças: (pontos positivos sobre sua personalidade, suas habilidades, dons, expertise, experiências e competências adquiridas);

Suas fraquezas: (pontos negativos da sua personalidade, medos, inseguranças, falta de conhecimentos, recursos, falta de habilidade);

Oportunidades (tendências no seu mercado, novas tecnologias, oportunidades de crescimento, feiras e eventos na sua área, novas parcerias, etc.)

E por fim Ameaças (tendências que podem prejudicar seu negócio ou novas tecnologias, problemas pessoais, etc.)

Você pode baixar a ferramenta gratuitamente clicando no banner a seguir:

ferramenta-analise-swot-pessoal-qualeasuaideia

Dica

360o FEEDBACK:

Perguntar as pessoas que melhor conhece você (amigos, colegas de trabalho) pode te dá algumas informações chaves sobre a imagem que você passa.

2. QUEM E COMO VOCÊ OS AJUDA: como achar meu diferencial único e ser a escolha óbvia para meu futuro cliente

proposta única de valor pessoalFoto Pexels.com

2.1 Defina seu público alvo:

Tudo começa com um destino para a sua mensagem, o seu público alvo.

Revendo tudo o que você aprendeu e descobriu sobre você, defina o perfil de pessoas que você pode ajudar. Reúna o máximo de informações que você puder sobre eles.

2.2 Defina seu lugar no mercado:

Hora de conhecer as soluções similares (à sua) disponíveis no mercado. Encontre as pessoas que estão oferecendo serviço ou produtos parecidos com o seu e identifique esses pontos:

  • Quais são os alvos deles;
  • Quais são suas forças;
  • Quais são suas fraquezas;
  • O que eles fazem muito bem e como você pode aprender com eles;

Fique alerta as oportunidades que eles podem estar perdendo e encontre quais necessidades não estão sendo atendidas e que você pode atender. O objetivo aqui não é reinventar a roda. 

Conhecer seus similares de mercado vai te ajudar a saber onde você se encaixa no mercado.

2.3 Defina sua persona:

Para que sua estratégia de personal branding seja o máximo efetiva possível, você precisa entender exatamente para quem está falando.

Quanto mais detalhada sua persona, melhor será os resultados do personal branding.

2.4 Defina sua Proposta única de Valor – PUV

É aquilo que só você oferece, só você tem.

Se você chegou até aqui, você já tem um ótimo conhecimento de quem você é, o que pode oferecer e o que sua persona deseja. Esse é o momento de refletir sobre tudo isso e encontrar sua PUV.

Faça as seguintes perguntas a sim mesmo:

  • Quem é meu alvo?
  • O que eu tenho a oferecer?
  • Por que deveriam me escolher?
  • O que me diferencia ou me torna único?

2.5 Defina seu posicionamento – crie sua mensagem

Essa mensagem deve ser uma declaração curta e memorável que permite que seu alvo saiba quem você é e o que você faz.

Esse é o momento de definir como você quer ser percebido, a sua declaração de posicionamento. Ela define sua linha de mensagem central, pois ela será a base de todas as suas ações e campanhas de marketing.

Pense nela como o tronco de uma árvore e em todos os galhos como sendo suas ações de mkt, discursos, parcerias formadas, novos produtos ou serviços criados e etc.

Veja 2 exemplos:

Nike: Desempenho atlético autêntico

Disney: Diversão em Família

Quando começar a rabiscar suas primeiras ideias, lembre-se que a mensagem deve ser curta e resumir como você se conecta com seu público. Mantenha simples, direta e memorável. Ela também deve refletir as pessoas que você atende, os valores que você defende e os resultados que você promete.

3. COMO VOCÊ COMUNICA – DIRETRIZES PARA A IDENTIDADE DA SUA MARCA

Identidade da marca pessoalFoto Pexels.com

Agora que você estabeleceu a identidade da sua marca, você precisa que tudo isso seja refletido em todos os pontos de contato do seu público alvo com você.

Ou seja, no seu conteúdo, seus perfis sociais, no design da sua página online, nos seus produtos e serviços, no seu atendimento e no modo como se relaciona com sua audiência e clientes.

Para isso, você pode começar estabelecendo:

  • O tom certo de voz.
  • Os assuntos que você deseja focar, assim como aqueles que deseja evitar.
  • Os valores que você deseja espalhar.
  • A frequência com qual se comunica com sua audiência.
  • A maneira como você lida com as adversidades.
  • O perfil de pessoas que você contrata para trabalhar contigo ou deseja formar parcerias;
  • Os tipos de eventos que participará assim como ações sociais que apoiará.
  • Os tipos de imagens, tipografia, cores, grafismos que usa em suas peças de publicidade e identificação da marca.
  • O tipo de abordagem que usa em suas estratégias de marketing.
  • O tipo de conteúdo que posta em suas redes sociais.
  • A maneira como você posiciona seus produtos e serviços.

Conclusão

Bem, a gente acabou de conversar sobre personal branding, o que é e para que serve.

Metaforicamente, é como se um ponto de luz (daqueles usados em teatros) fosse apontado para você, te destacando da multidão, mas que atraísse apenas os olhares certos.

Não se trata de deixar a concorrência irrelevante, mas de tornar você relevante e valioso para as pessoas certa te transformando na escolha óbvia delas.

O primeiro passo para definir uma estratégia de personal branding começa com a construção dos alicerces, uma base bastante sólida e segura: seus valores, missão e visão.

Porém, apesar de toda essa autoanálise, o personal branding não se trata de você, de falar sobre suas habilidades competências, mas de como você pode ajudar o outro.

É aí que entra a segunda parte da elaboração da estratégia: a quem e como você pode ajudar. Nessa parte você vai identificar o perfil de pessoas que pode ajudar e a sua Proposta Única de Valor – PUV, aquilo que te diferencia no mercado e te torna único.

E por fim, a última parte da construção da estratégia, é hora de comunicar tudo isso em todos os pontos de contatos com o seu público alvo. Desde o seu tom de voz até as causas sociais que você apoia.

Agora é com você. Bora definir a sua estratégia de personal branding agora mesmo?  

Você quer ter clientes apaixonados pelo o que você faz? Confira mais conteúdos como este em qualeasuaideia.com e avance mais rápido para o próximo nível 😃.

Gostou desta postagem? Siga-nos no RSS e leia mais postagens interessantes:

RSS
Vem comigo que eu quero saber Qual é a Sua Ideia? Vamos, juntos, encontrar sua proposta única de valor e facilitar a sua conexão com seu público por meio de uma marca pessoal original, capaz de transformar clientes em verdadeiros fãs daquilo que você faz
Compartilhar esta postagem
or

Comentários

2000 caracteres restantes
Que conteúdo MARAVILHOSO!!! Leitura fácil, gostosa, prática e objetiva. Obrigada por compartilhar e por se comprometer com a sua missão em difundir um mindset de abundância. Me ajudou muito. Ah! A dica do TED talk deu um toque super especial. Parabéns!!!
Anne Lira
Zully Nunes
Olá Zully,
Super feliz aqui, com seu comentário =D .
Pois é, eu achei fantástico o vídeo do Simon quando vi pela primeira e vez e fez todo o sentido para mim. Que bom que o conteúdo te ajudou tbm ^^
Obrigada pelo comentário. Abraço =)
Anne Lira
Como faço para falar contigo para te contar qual é a minha ideia e saber como poderás me ajudar ?
Anne Lira
Antonio Marchesini
Olá Antônio,

Massa! Tô super curiosa para saber Qual é a sua ideia =D

Então Antônio, eu mandei um email para o endereço que você cadastrou na minha lista. Caso não o encontre, você pode entrar em contato comigo por este endereço [email protected]

Estou te esperando =)
Abs.

Enviar feedback

Your feedback must contain at least 3 words (10 characters).

Só vamos utilizar este email para te enviar a resposta para o seu feedback. Política de Privacidade

Thank you for your feedback!