Como criar uma estrutura de site para SEO

Erich Casagrande

Mar 25, 202115 min read
Veja como estruturar um site para SEO

Acertar a estrutura do seu site é um dos conceitos básicos de SEO técnico mais importantes, mas muitas vezes é negligenciado. Um site não deve ser uma coleção aleatória de páginas e posts. Seu conteúdo deve ser organizado para facilitar a navegação dos usuários e a compreensão de mecanismos de pesquisa.

Neste guia, você vai aprender como criar uma estrutura de site que funcione e ajude a ter sucesso com SEO. Analisaremos especificamente:

O que é a estrutura do site?

A estrutura do site é a forma como o conteúdo (páginas e posts) é agrupado. Às vezes, ela é chamada de arquitetura do site e se refere a como o conteúdo se conecta e é apresentado aos usuários e mecanismos de pesquisa. É o esqueleto do site. 

Uma boa estrutura de site torna mais fácil que usuários naveguem entre as páginas e que os mecanismos de pesquisa rastreiem o conteúdo e entendam sobre o que o site trata.

Pense nela como a forma como as páginas do site se relacionam entre si, especificamente como se ramificam a partir da página inicial e são agrupadas em diretórios mais profundos.

Planejar uma estrutura de site inclui considerar:

  • Estruturas de URL
  • Menus de navegação
  • Categorização
  • Navegação estruturada
  • Links internos

A importância da estrutura do site

Tanto para sites pequenos ou grandes, a estrutura do site é um componente importante para o sucesso, pois afeta os usuários, em termos de acessibilidade e facilidade de utilização, como os mecanismos de pesquisa, quanto à rastreabilidade e aspetos técnicos. Lembre-se, e não custa repertimos, cada vez mais o Google valoriza a experiência do usuário, portanto valorize você também.

Vejamos as razões pelas quais você precisa definir corretamente a estrutura.

Estrutura do site para usuários

O objetivo principal do site é colocar os produtos ou serviços ao alcance do público-alvo, como seu próximo cliente ou consumidor. Isso significa que os usuários devem estar no centro de tudo o que você faz.

Quando analisamos por que a estrutura do site é tão importante para os usuários, podemos dividi-la em três motivos principais:

A estrutura do site é importante para a experiência do usuário

A estrutura que você escolher impacta diretamente a usabilidade do site, e isso significa facilitar que os usuários encontrem os produtos, serviços ou informações que procuram.

Quanto mais fácil for para alguém encontrar o motivo pelo qual chegou ao seu site, maior será a chance de se tornar um cliente.  

Uma boa estrutura do site facilita a navegação

Quando você planeja cuidadosamente a estrutura do site para ajudar os usuários a encontrar o que querem com a maior facilidade possível, fica mais fácil navegar.

Como uma das principais funções do conteúdo de um site é ajudar a impulsionar clientes em potencial no funil de vendas, faz sentido simplificar o fluxo por ele, melhorando a navegação do usuário.

Uma boa estrutura do site agrupa o conteúdo e facilita o alcance das páginas com o menor número possível de cliques

Ninguém quer perder tempo procurando conteúdo. Uma boa estrutura do site facilita encontrar páginas e publicações com o mínimo de cliques possível, mantendo os usuários engajados e impedindo-os de sair da página. 

Estrutura do site para mecanismos de pesquisa

Embora uma boa estrutura do site seja importante para oferecer uma ótima experiência do usuário, ela também é parte fundamental para ter sucesso com o SEO. Estruture seu site da maneira certa, e será mais fácil para os mecanismos de pesquisa entender seu conteúdo e posicioná-lo mais alto nas SERPs.

As principais razões pelas quais a estrutura do site é importante para os mecanismos de pesquisa são:

Conteúdo agrupado por tópicos

Trabalhar o SEO de tópicos (topic cluster) é muito importante e a estrutura do site é uma maneira fundamental de mostrar como diferentes páginas e publicações se conectam.

Muitas vezes referido como relevância de tópico ou autoridade tópica, agrupar conteúdo relacionado ajuda a posicionar você nos mecanismos de pesquisa como especialista na área, mostrando que cobre um assunto em muitos detalhes. 

Assim, os mecanismos de pesquisa entendem sobre o que é seu site e contextualizam as palavras-chave para as quais você deve se posicionar.  

Destaque seu conteúdo mais importante

A estrutura correta do site ajuda você a destacar suas páginas mais importantes (muitas vezes chamadas de páginas pilares ou páginas centrais) e posicioná-las como as páginas que devem rankear para palavras-chave competitivas e de alto volume (pense em termos genéricos).

Uma boa estrutura facilita o rastreamento e agiliza a descoberta de novas páginas

Uma boa estrutura de site facilita que os mecanismos de pesquisa rastreiem seu site e encontrem novas páginas (e alterações em páginas existentes) mais rapidamente.

Se o Google não conseguir rastrear todas as páginas do site, será difícil indexá-las. No entanto, com a estrutura certa, você não provavelmente não enfrentará esse problema, pois todo o conteúdo deve estar vinculado a pelo menos uma outra página.

Os backlinks são um fator de posicionamento importante. Para maximizar os benefícios da estratégia de link building, você precisa garantir que distribuí corretamente a autoridade de link em todo o site. Isso está relacionado com a organização dos seu links internos.

Para ganhar backlinks de alta qualidade, é interessante ter páginas diferentes que respondem a perguntas diferentes. Assim, você terá várias páginas no seu domínio benéficas para os usuários, além de poder adquirir backlinks de qualidade mais relevantes.

A estrutura correta do site ajuda você a fazer isso de forma eficaz.  

Ajuda a impedir a canibalização de palavras-chave

A canibalização de palavras-chave pode impedir que o site se posicione tão bem quanto poderia quando duas ou mais páginas com a mesma intenção competem entre si. Com a estrutura correta do site, pode ser mais fácil impedir que esse problema ocorra, pois haverá um local claramente definido no site para um tópico ou conteúdo específico. 

Como é uma boa estrutura de site?

Já definimos que uma boa estrutura do site deve:

  • Agrupar conteúdo relacionado por tópicos
  • Destacar as páginas mais importantes
  • Manter o conteúdo simples e organizado em uma hierarquia lógica

Antes de tratarmos de como definir a estrutura do site, confira como uma estrutura bem organizada deve ser:

arquiterura de sites

Perceba como o conteúdo é agrupado em torno de páginas importantes que derivam da página inicial do site? O conteúdo é posicionado em uma hierarquia lógica, e fica claro como ele pode ser facilmente expandido conforme o site cresce. 

Essa arquitetura do site é baseada no que é conhecido como topic cluster. Vamos descrever essa estratégia brevemente:

Os clusters de tópicos, topic clusters, são um grupo de conteúdo que gira em torno de um assunto central e têm links para uma página pilar, que por sua vez tem links para o conteúdo. Em suma, os topic clusters são centrados em torno de um único assunto e oferecem várias oportunidades de links internos para manter os leitores no site. 

Eles são uma abordagem eficaz para estruturar seu site, ajudando a agrupar conteúdo relacionado por tópicos e criar uma estrutura sólida de links internos. Confira um exemplo de cluster de tópicos com uma página pilar:

exemplo de topic cluster

Usar clusters de tópicos ajuda a mostrar a autoridade tópica, vital para conquistar os melhores posicionamentos nas SERPs.  

Como definir uma estrutura de site que funcione

Está na hora de planejar uma estrutura de site que funcione bem para os usuários e mecanismos de pesquisa? Confira um passo a passo para definir a estrutura do site:

  • Pesquisa de tópicos e palavras-chave
  • Planeje a estrutura e hierarquia do site
  • Considere as URLs do site
  • Planeje cuidadosamente os menus de navegação do site
  • Considere o detalhamento das principais páginas do site
  • Localize e corrija problemas de canibalização de palavras-chave
  • Use links internos estrategicamente
  • Crie um sitemap em HTML

Pesquisa de tópicos e palavras-chave

Tudo começa com a pesquisa de palavras-chave por tópicos.

Afinal, para planejar uma estrutura que funcione, você precisa saber os tópicos que segmentará e as palavras-chave principais que fazem parte dos assuntos para os quais quer se posicionar.

Use a ferramenta Topic Research da Semrush para ter ideias relacionadas aos principais tópicos do seu setor e pensar na maneira mais eficaz de agrupar seu conteúdo e palavras-chave.

Semrush Topic Research screenshot

Insira um tópico e clique em "Receber ideias de conteúdo" para ver uma lista de ideias de tópicos com base no que inseriu.

Comece com assuntos próximos aos seus produtos e serviços.  

topic ideas

Nessa fase, essas ideias servem mais para você refletir no que é mencionado por outras pessoas que criam conteúdo nesse espaço. Elas não são necessariamente seu plano de ação final.

A reflexão também pode ajudar a desenvolver ideias para os principais tópicos que seu site deve abordar. Depois de ter sugestões sobre os tópicos, é hora de fazer uma pesquisa mais detalhada de palavras-chave para mapear as páginas e publicações que farão parte dos clusters de tópicos.

Você pode usar a Keyword Magic Tool para encontrar as palavras-chave que clientes em potencial usam para encontrar empresas como a sua.

Pesquise uma das ideias geradas durante a pesquisa de tópicos:

Semrush Keyword Magic Tool screenshot

Nem todas as ideias de palavras-chave apresentadas serão relevantes para o seu negócio, mas é bom criar uma lista e palavras-chave relacionadas ao grupo cujo uso em conjunto no mesmo conteúdo faça sentido.  

Você também pode usar a ferramenta de Lacuna de palavras-chave para ver oportunidades entre seu site e os concorrentes ou tópicos e palavras-chave que se sobrepõe entre dois ou mais concorrentes.

keyword gap

Você poderá ver palavras-chave compartilhadas, oportunidades únicas e muito mais. Assim, terá conhecimento para orientar sua estratégia de palavras-chave e garantir que fez tudo o que era possível (mesmo que isso signifique planejar conteúdo futuro).

keyword gap results

Nessa fase, você deve pensar sobre:

  • Os tópicos principais que abordará (e usará nas páginas pilares)
  • Os subtópicos dentro deles (geralmente baseados em palavras-chave de cauda longa e perguntas)

Planeje a estrutura e hierarquia do site

Desenvolver a estrutura do site é a chave para o sucesso. Faz sentido definir os clusters de tópicos, determinar a página pilar para cada cluster e depois planejar o conteúdo de apoio.

As páginas pilares tem conteúdo de alto nível que cobrem o tópico mais amplamente. Ao planejar suas páginas pilares, você deve considerar como pode cobrir um tópico mais amplo na página. Assim, há uma oportunidade de expandir as especificidades dentro do cluster relevante.

Pense nelas como páginas mais detalhadas que respondem a perguntas específicas sobre o assunto mais amplo. Essas páginas devem então ser vinculadas à página pilar principal para que haja um bom entendimento de como seu conteúdo se relaciona.

Essa página ajuda a mapear visualmente a estrutura do site nesta etapa, ver como os clusters de tópicos se encaixam e onde colocar páginas e postagens específicas.

Você pode usar uma plataforma gratuita como Gloomaps para isso.

gloomaps

Depois de mapear a estrutura do site, você terá um ótimo ponto de referência conforme cria conteúdo e continua a crescer.

Considere as URLs do site

Em um mundo ideal, a estrutura do site teria o conteúdo do cluster dentro do mesmo subdiretório da página pilar desse tópico. Digamos que sua página pilar seja seudomínio.com.br/pilar/. Isso significaria que todo o conteúdo do cluster fica em URLs como seudomínio.com/pilar/pagina-cluster-1/.

Isso é chamado de silos de URL e ajuda a manter a relevância tópica dentro do subdiretório de um site. Sempre que for possível, faz sentido estruturar seu site dessa forma.

No entanto, esse não é o único método. Se não for possível agrupar todo o conteúdo do cluster dentro do subdiretório da página pilar, isso não quer dizer que você não pode usar esse método de estruturação de site. 

Silos de URLs ajudam a manter a relevância tópica nas pastas, mas, se isso não puder ser feito devido a restrições técnicas, é possível usar links internos para mostrar a conexão tópica entre as páginas.  

Falaremos sobre links internos em breve.  

Planeje cuidadosamente os menus de navegação do site

Embora os menus de navegação existam principalmente para ajudar os usuários a encontrar as páginas que procuram, eles são uma ótima indicação das páginas mais importantes. Por isso, você precisa pensar cuidadosamente sobre a maneira como estrutura menus de navegação.

Como exemplo, confira a navegação primária destes dois locais no mesmo setor:

sleepseeker nav

 Compare com:

Soak and Sleep

Este é um bom exemplo da importância de acertar na navegação. A segunda imagem ajuda claramente os usuários a chegar aos produtos certos com a maior facilidade possível. Já a primeira não vai além das categorias genéricas de nível superior.

Pense cuidadosamente sobre como estruturar os menus de navegação e usá-los como uma oportunidade para os usuários chegarem às páginas principais.  

Considere o detalhamento das principais páginas do site

Uma ótima estrutura de site deve facilitar que os mecanismos de pesquisa e os usuários encontrem o conteúdo no site, ou seja, as páginas não devem ficar escondidas. O usual é que todas as páginas estejam acessíveis a três cliques da página inicial e estruturar o site da maneira certa pode tornar isso possível.

Usar navegação estruturada e links internos ajuda a garantir que as páginas não estejam escondidas no site, mas a visualização da estrutura pode ajudar no planejamento para manter o conteúdo nesses três níveis.

Assim, seu site não terá páginas órfãs, que ocorrem quando uma página não tem link em nenhuma parte da estrutura do site. Essencialmente, ela não pode ser acessada no site, apenas com um link direto. 

Você pode usar a ferramenta Auditoria de Site da Semrush para encontrar páginas em um site que já existe e que precisam de mais de três cliques para serem acessadas ou que são páginas órfãs.

3 clicks

Localize e corrija problemas de canibalização de palavras-chave

Retrabalhar a estrutura de um site é a oportunidade perfeita para encontrar e corrigir problemas de canibalização de palavras-chave. Nosso guia define canibalização de palavras-chave como:

Com muita frequência, a canibalização de palavras-chave é explicada como algo que acontece quando há mais de uma página no site que tem como alvo a mesma palavra-chave — uma página canibaliza a capacidade da outra de se posicionar e nenhuma delas tem um desempenho tão bom quanto deveria.

A canibalização de palavras-chave tem tudo a ver com intenção, e quando existem várias páginas que segmentam a mesma intenção, há um problema.

Você pode usar a ferramenta de integridade de canibalização junto ao Position Tracking da Semrush para encontrar problemas que existem e aprender a como corrigi-los neste guia.

cannibalization

Quando é hora de planejar a estrutura de um novo site, entender o conceito de uma página para segmentar a intenção específica de uma palavra-chave pode ajudar a evitar que problemas aconteçam.

Links internos são fundamentais para planejar uma estrutura de site que seja eficaz. Se você não está por dentro do assunto, eles são links que direcionam de uma página para outra no site. 

Alguns dos principais benefícios dos links internos são: ajudar os mecanismos de pesquisa a entender a estrutura do site (e a relação tópica entre as páginas), passar autoridade de link e ajudar os usuários a navegar entre as páginas.

Há várias estratégias diferentes para usar links internos, incluindo:

  • Navegação estruturada (breadcrumbs)
  • Links internos contextuais
  • Links de navegação

Não podemos esquecer que links internos formam uma parte fundamental para usar topic cluster. Você pode auditar a estrutura de links internos do site com a ferramenta de Auditoria de Site:

Site Audit Internal Links

Crie um sitemap em HTML

Como etapa final para montar uma estrutura de site sólida, considere gerar um sitemap HTML.

Esses sitemaps ficam visíveis para os usuários e fornecem uma lista de links de URLs que podem ser rastreadas pelos mecanismos de pesquisa, reduzindo ainda mais o risco de páginas órfãs e permitindo que novas páginas sejam descobertas rapidamente.

Não esqueça de que os sitemaps HTML também distribuem PageRank (autoridade de link) e que seu uso é recomendado.

Planeje uma estrutura que funcione para usuários e mecanismos de pesquisa e agrupe suas páginas por tópicos, distribua efetivamente a autoridade de link e ajude as pessoas a acessar as páginas que procuram o mais rápido possível. 

Esse conteúdo foi publicado originalmente em inglês.

Author Photo
Erich CasagrandeTrabalho como Marketing Manager Lead da Semrush no Brasil e sou responsável pelas ações de marketing que envolvem a marca em diferentes canais. Sou apaixonado por comunicação e por aprender cada vez mais sobre o universo do Marketing Digital.
Subscribe to learn more about SEO Avançado
By clicking “Subscribe” you agree to Semrush Privacy Policy and consent to Semrush using your contact data for newsletter purposes
More about SEO Avançado
Guia definitivo do Google Meu Negócio para 2021O Google Meu Negócio é uma ferramenta poderosa para negócios locais, mas muitas vezes não é usada com todo o seu potencial. Aqui, respondemos a algumas das perguntas mais comuns do GMB e também organizamos um guia passo a passo que explica como configurar seu perfil pela primeira vez, reivindicar um perfil que outra pessoa possui e fazer otimizações para alcançar o sucesso de SEO local.
23 min read
KPIs de SEO: 12 métricas importantes que você precisa monitorarMetas e KPIs estão entre as partes mais importantes de sua estratégia de SEO e também entre as mais negligenciadas. E neste guia, vamos nos aprofundar na importância de acompanhá-los do jeito certo e ajudar você a entender quais são os indicadores mais importantes que você deveria usar para medir seus sucessos.
11 min read