Quer você seja um profissional de SEO interno ou trabalhe na agência, relatórios são algo que todos temos que produzir. Um relatório de SEO ajuda a mostrar o progresso de uma campanha, mostra o ROI e ajuda a justificar por que adotamos certa abordagem.

E também é verdade que quem trabalha com SEO, prefere fazer SEO do que preparar relatórios. Por essa razão, muitas vezes há uma grande discrepância na forma como diferentes agências e equipes internas fazem relatórios de SEO, na frequência com que os fazem e quais métricas incluem. 

Nosso objetivo é ajudar a entender como um relatório de SEO perfeito pode ser e o que deve incluir.

Este guia abordará:

O que é um relatório de SEO?

Um relatório de SEO é uma maneira eficaz de você comunicar às partes interessadas (geralmente o chefe ou o cliente) qual o impacto que os esforços de SEO estão tendo nos negócios. Mas há um problema: muitos relatórios de SEO não trazem muitas informações ao leitor.

Estamos em 2021, e praticamente qualquer gerente de marketing ou proprietário de empresa sabe como usar o Google Analytics para ver as estatísticas do site. Não é mais o bastante enviar um relatório mensal que mostre o tráfego dos últimos 30 dias e as conversões associadas.

As partes interessadas merecem mais, mas ao mesmo tempo, ninguém quer ler um relatório de mais de 100 páginas que inclua todas as métricas existentes, muitas que nem fazem sentido no contexto em que são apresentadas.

Um relatório de SEO deve mostrar, no mínimo:

  • Que progresso foi alcançado? 

  • Que atividades foram realizadas e qual foi seu impacto?

  • Recomendações para gerar mais crescimento.

O objetivo é fazer o relatório das métricas que importam e comunicar efetivamente o progresso em relação aos KPIs predefinidos, além de fornecer comentários eficazes sobre o que contribuiu para o sucesso, o que não foi tão eficaz e as atividades que foram realizadas. Confie em nós: ótimos relatórios de SEO ajudam a criar ótimos relacionamentos — eles valem o investimento de tempo.

É evidente que precisamos ter mais coerência na forma como apresentamos nossos relatórios, pois muitos profissionais de SEO continuam a ter dificuldade com isso.

Por que você deve fazer um relatório de SEO regularmente?

Como todos sabemos, SEO é muito importante para a maioria das empresas. É um canal que cada vez mais recebe investimento e atenção. Mesmo em 2018, foi relatado que o setor global de SEO valia US$ 80 bilhões.

Há muita coisa em jogo. As empresas estão contando com o canal como uma plataforma de marketing essencial, e os proprietários de empresas, CFOs e outras partes interessadas querem ver retorno sobre seu investimento.

Por esse motivo, é importante que você faça relatórios regulares de SEO para fornecer atualizações de progresso. Os relatórios de SEO são igualmente importantes para os próprios profissionais de SEO, e não devem ser negligenciados de forma alguma.

Fazer um bom relatório de SEO irá tornar seu trabalho muito mais fácil. Com o relatório correto, você identifica rapidamente tendências (positivas e negativas), identifica áreas que precisam de atenção e confere o que precisa ser feito. Ao escolher as métricas certas para incluir no relatório, eles se tornam ainda mais valiosos. 

E com tudo isso, um excelente relatório de SEO irá gerar confiança entre os profissionais que trabalham na área e quem está avaliando esse processo, seja um cliente interessado em resultado ou os diretores e gerentes da empresa.

Como escolher os KPIs e as métricas de relatórios de SEO

Você precisa garantir que incluirá as métricas que importam, e muitas vezes, elas diferem muito entre empresas. As métricas que você escolher incluir devem deixar claro que os relatórios são usados como uma maneira de comunicar progresso, sucesso e ações.

Ao incluir poucas métricas, o cenário real não será refletido. Ao incluir muitas, todos que o lerem provavelmente perderão o interesse. O truque para criar relatórios de SEO bem-sucedidos é mostrar claramente as métricas com maior significado para a empresa e o projeto em questão.

O que é essencial para o relatório de uma empresa local quanto à sua estratégia de SEO local será muito diferente de uma loja online e sua estratégia de SEO de e-commerce.

As ferramentas de relatório de SEO de que você precisa

Claro, você pode usar muitas ferramentas diferentes para criar relatórios de SEO, e já vimos de tudo, de planilhas e documentos do Word até painéis personalizados usados para relatar o progresso. Mas, a realidade é que para criar relatórios melhores de SEO, você pode usar apenas estas ferramentas:

E é exatamente isso que vamos explicar aqui. Analisaremos como usar essas ferramentas para extrair ótimas informações, encontrar as métricas certas a serem avaliadas e reuni-las em um excelente relatório. 

Meus relatórios, da Semrush

A Semrush fornece relatórios personalizáveis que simplificam o processo de geração de relatórios. O Meus relatórios é fantástico porque permite combinar os dados de desempenho, incluindo as integrações do Google Suite, com os dados da concorrência. 

Relatórios personalizados

Você pode criar, gerenciar e compartilhar relatórios de SEO personalizados em poucos cliques com a ferramenta da Semrush Meus relatórios. Com widgets arrastar e soltar, é possível acessar facilmente dados de dezenas de ferramentas da Semrush e compilar tudo em um único PDF.

Você também pode adicionar dados do Google Search Console, Google Analytics, Google Ads e do Google My Business. Relatórios sem marca estão disponíveis para os planos de negócios. 

Relatórios de SEO Semrush

Automatização de relatórios

Esses relatórios podem ser automatizados para serem enviados regularmente ao chefe ou aos clientes diária, semanal ou mensalmente. 

Meus relatórios Semrush

Para conferir dicas detalhadas sobre como usar o Meus relatórios, acesse este recurso.

3 dicas de especialistas sobre Relatórios de SEO

Pedimos a três especialistas do mercado brasileiros qual é o aspecto mais importante para um bom relatório de SEO. Confira o que eles disseram e incorpore essas ideias de que melhor entende sobr eo asssunto.

Diego Ivo - CEO - Conversion

Um ótimo relatório de SEO conecta o que está acontecendo em cada uma das frentes de SEO com os objetivos de negócio. É muito importante que esse relatório não seja algo só para o time de SEO ver, afinal os bons profissionais já sabem o que está acontecendo. Na Conversion, temos evitado relatórios em Power Point e utilizado muito mais dashboards, que economizam tempo, dão mais agilidade e melhoram a tomada de decisão. Um bom relatório deve ter uma primeira página que condensa as principais informações, como por exemplo: comece comparando os principais indicadores do canal de busca orgânica com todo o site (afinal o SEO não é um silo isolado do restante), com tráfego, receita, transações ou leads, usuários e novos usuários. Depois, tenha um gráfico que mostre a evolução de tráfego e receita (ou leads) ao longo dos últimos 13 meses. Por fim, apresente os produtos mais vendidos e as páginas mais acessadas. Só traga dados mais técnicos nas páginas seguintes do dashboard.

Rosana Amaral -  Líder de SEO na C&A

Para um bom relatório eu defendo que é essenciail ter um storytelling, pois é importante criar uma linha de raciocínio que conecte os dados, não os deixando isolados gerando uma sensação de "números soltos". Outro ponto importante é estar alinhado aos objetivos do cliente, seja ele externo ou interno, pois, além dos itens avaliados dentro de uma estratégia de SEO, temos as KPIs conectadas ao negócio em si, por exemplo, se estou fazendo um relatório para um e-commerce, preciso mostrar taxa de conversão, ticket médio do canal, comportamento dos usuários.

Ewerton Silva - Head de SEO - RD Station

Acredito que o relatório de SEO depende muito do contexto da empresa e do modelo de negócio, para ter uma camada de análise relacionada ao impacto do canal nas métricas da empresa. Na camada de impacto no negócio, aqui na RD Station, olhamos não só para as conversões de Leads, mas também para a qualidade deles, MQLs (Leads Qualificados por Marketing) e SALs (Leads aceitos por vendas), além das métricas de vendas e receita gerada pelo canal. Já em uma camada mais técnica, acabamos variando a análise entre a periodicidade dos relatórios: nos mais recorrentes trazemos um acompanhamento mais superficial de erros, páginas que mais geram tráfego e páginas mais estratégicas. Já nos relatórios com recorrência menor, como trimestrais, fazemos uma análise da saúde do site via Semrush, oscilação de keywords estratégicas, perfil de links e oportunidades para otimização e performance. Para a parte escrita dos relatórios, minha referência são as dicas de " Write like an Amazonian", que são algumas anotações que ajudam a deixar o documento claro e resumido.

Relatórios sobre SEO técnico

O SEO técnico abrange elementos como velocidade do site, correção de links quebrados, resolução de erros 404 e muito mais. Esse lado do SEO se volta para garantir que o site possa ser indexado e rastreado adequadamente. Do ponto de vista de um relatório, você deve informar a integridade técnica do site. 

É importante destacar os principais problemas que precisam ser resolvidos de uma perspectiva técnica, seja para colocar no fluxo de trabalho de atividades ou sinalizar como prioridade.

Os relatórios temáticos da Semrush são um bom ponto de partida. 

Relatorio auditoria de site

Com a ferramenta Auditoria do Site, você pode visualizar e exportar relatórios temáticos que abrangem:

  • Rastreabilidade

  • HTTPS

  • SEO internacional

  • Desempenho do site

  • Links internos

Esses problemas são uma boa visão geral e fornecem um resumo fácil para entender a integridade geral do site e problemas técnicos específicos. Saiba mais sobre relatórios temáticos aqui.

A visão geral disponível no painel principal da Auditoria do site está lá por um motivo. Quando você envia relatórios para clientes e gerentes, eles muitas vezes não precisam (ou não querem) complexidades. Um CMO com uma lista de erros 404 só resultará em olhares confusos. É interessante começar com um resumo simples e fácil de ler, e é por isso que o painel está lá.

Manter a simplicidade e mostrar uma visão geral da integridade técnica muitas vezes é o bastante, principalmente se o seu trabalho é informar o sucesso. E, com sorte, de uma perspectiva técnica, o sucesso será poucos erros técnicos.

Você pode exportar dados do relatório de Auditoria do site diretamente para o Google Data Studio, na parte superior direita.

Exportar para GDS

Relatórios sobre palavras-chave e posicionamentos

A comunidade de SEO muitas vezes se divide quando se trata de discussões sobre se ainda devemos ou não incluir posicionamentos de palavras-chave nos relatórios de SEO. Os posicionamentos são uma métrica há tempos, e, em alguns casos, é difícil deixar de usá-los como um indicador de sucesso.

No final das contas, posicionamentos mais altos deveriam significar mais tráfego e conversões, mas geralmente é um pouco mais complexo do que isso. Se você se posicionar para a coisa errada, essas palavras-chave não levarão a conversões.

De qualquer forma, alguns clientes esperam ver qual o aumento de seus posicionamentos, às vezes em um nível específico de palavra-chave. É possível adotar diferentes abordagens aqui, e a que recomendamos é combinar posicionamentos de palavras-chave com uma indicação clara da visibilidade orgânica geral.

Vamos explorar isso em mais detalhes e ver como você pode ter acesso a essas métricas.

Posicionamentos de palavras-chave

Quando se trata de relatórios sobre o posicionamento de palavras-chave, a ferramenta  Position Tracking (Monitoramento de Posição) pode facilitar muito seu trabalho. 

Se você ainda não a tiver configurado para seu domínio, clique em "Novo monitoramento de posição" e poderá importar sua própria lista de palavras-chave manualmente ou importar de uma campanha, seja da Semrush ou do Google Analytics.

Position Tracking configuração

Depois, você terá uma visão completa de como essas palavras-chave se posicionam. É importante mostrar como os posicionamentos melhoram ao longo do tempo, e não apenas uma visão geral. 

Monitorar posições de palavras-chave pode ser uma ótima maneira de mostrar o progresso da campanha nos estágios iniciais, talvez quando um site ainda não gera muito aumento no tráfego orgânico, mas os monitoramentos aumentam.

Essas são o que chamamos de métricas leves, ou seja, indicadores de progresso importantes, mas que não tem um impacto direto nos negócios por si só.

Posicionamento médio e visibilidade orgânica de palavras-chave

É sempre útil mostrar tendências nos relatórios. Elas são um grande indicador do progresso sendo feito. Quando você informa palavras-chave individuais, basicamente as mostra isoladamente, mas quando informa o crescimento da visibilidade e tendências de palavras-chave e posições médias em geral, acaba mostrando um cenário melhor.

Novamente, você pode usar o relatório de monitoramento de posição para ver e incluir no relatório todas essas informações.

Relatório Monitoramento de Posição

Vejamos o que você pode usar a partir desses dados e por que faz sentido usá-los como métricas no relatório:

A visibilidade ajuda a mostrar a tendência geral do potencial de tráfego do site, enquanto o tráfego estimado indica quanto tráfego você deve esperar gerar a partir da pesquisa orgânica. São ótimas informações para uma visão geral, mas devem ser complementadas com dados do Google Analytics. 

O interessante aqui é a métrica posicionamento médio, pois ela pode ser usada para mostrar como o site se posiciona nas SERPs com todas as palavras-chave — uma ótima métrica para ficar bem no início.

Para transmitir impacto de verdade, destaque as seções de palavras-chave e distribuição de posicionamentos. Elas fornecem uma visão geral fantástica de quantas palavras-chave você posicionou nos diferentes grupos de posicionamento e também como a distribuição mudou ao longo do tempo.

Sempre que possível, tente complementar as métricas de visão geral com tendências e mudanças entre períodos, pois normalmente essa é a melhor maneira de demonstrar o impacto ao longo do tempo. 

Relatórios sobre marketing de conteúdo

Muitas empresas têm feito grandes investimentos em marketing de conteúdo no momento, e querem ver um ROI. É necessário garantir que perguntas comuns sobre marketing de conteúdo como estas sejam respondidas nos relatórios:

  • Quais páginas são mais visualizadas?

  • Quais páginas são mais acessadas por causa do SEO?

  • Existem gaps de conteúdo em relação a nossos concorrentes que ainda precisamos eliminar?

Vamos conferir como você pode encontrá-los. 

Páginas com mais visualizações

É importante que você entenda quais páginas do site recebem o maior número de visualizações de página a partir da pesquisa orgânica. Essas são suas páginas mais populares, e você precisa se concentrar em garantir que o tráfego seja convertido. 

Mas, além disso, é sempre útil que as partes interessadas vejam quais são as páginas mais populares de um site — essas informações podem oferecer informações para um desenvolvimento de produto ou serviço futuro, ou apenas mostrar com clareza que as páginas certas estão sendo visualizadas. 

No Google Analytics, acesse Comportamento > Conteúdo do site > Todas as páginas. 

  • Lá você vê (para o período definido) as páginas com as visualizações mais altas. 

  • Use os filtros para mostrar apenas tráfego orgânico, se não quiser que outros canais distorçam os dados.

image.png

Recomendamos mostrar as 25 melhores, pelo menos.

Exemplo de páginas com mais visualização

DICA: o Google Analytics oferece uma integração simples e eficaz diretamente com o Google Data Studio.

Landing Pages

As visualizações das landing pages são as páginas mais comumente acessadas pela primeira vez por meio de pesquisa orgânica. Esses dados mostram um resumo de quais páginas do site apresentam o melhor desempenho do ponto de vista de aquisição de tráfego orgânico. 

No Google Analytics, acesse Comportamento > Conteúdo do site > Páginas de destino. 

Como acima, filtre por tráfego orgânico. 

LP organico acesso

Relatórios sobre link building

Os links continuam a ser um fator chave de posicionamento e há uma forte chance de que praticamente qualquer relatório de SEO precisará relatar links. Mas quais métricas de links específicas você deve incluir no relatório para o cliente e as principais partes interessadas? Vamos ver aqui. 

O link building que você fez

Sempre vale a pena ser transparente. Se você está fazendo link building da maneira certa, não deve ter nada a esconder. Uma das maiores hesitações dos clientes em contratar um fornecedor de SEO é a preocupação com a qualidade dos links que serão criados.

Portanto, use seu relatório para demonstrar a excelente qualidade e os ótimos links em que você tem trabalhado.

Normalmente, percebemos que é uma boa ideia importar uma lista com todos os links construídos naquele período de um arquivo das Planilhas do Google para o Google Data Studio, juntamente com o Authority Score (AS) e a página de destino. Você também deve incluir um total do número de  links que construiu e a média de AS desde que começou seus esforços.

Detalhamento do perfil de link

Acesse a ferramenta Análises de backlinks e confira uma visão geral do perfil de links do seu domínio. Usar essa visão geral talvez seja a maneira mais eficaz de relatar a integridade do perfil.

É fácil de entender, mas tem detalhes o bastante para abranger:

  • As categorias de domínios de links mais comuns.

  • Uma nuvem de texto âncora (importante para que você possa garantir que não há pico de um texto âncora comercial que possa ser prejudicial).

  • Domínios de referência por AS.

  • Tamanho do perfil de link ao longo do tempo.

  • Um detalhamento de nofollow x dofollow.

Em suma, se você quiser apresentar uma visão geral do perfil do link, não poderia haver uma maneira melhor de fazer isso. Claro, você também pode importar essas informações diretamente para o Google Data Studio.

relatório de backlinks

Links novos e perdidos

É possível ver seus links novos e perdidos (e domínios de referência) como parte do relatório acima, mas essas informações merecem ser mencionadas sozinhas. O objetivo real é ver o crescimento no tamanho e qualidade do perfil do link ao longo do tempo, mas a natureza simples da tática é que os links caiam de vez em quando.

Seja transparente e destaque todas as áreas das quais você perdeu links e analise-as com mais detalhes. Assim, você terá a oportunidade de entrar em contato e recuperar o link, se possível.

Crescimento do perfil de link ao longo do tempo

Novamente, isso está disponível como parte da Análises de backlinks, mas é importante mencionar individualmente. Na maioria dos casos, você descobrirá que tem um gap de link com os principais concorrentes; isso é normal e parte do motivo pelo qual você precisa criar links.

Uma maneira infalível de mostrar o progresso através de esforços de link building é mostrar como, especificamente, o número de domínios de referência aumenta ao longo do tempo.

Destaque essas informações claramente em seus relatórios para mostrar como seus esforços estão compensando. 

Integridade do perfil de link (pontuação de links nocivos)

Relatórios sobre a integridade do seu perfil de link são realmente importantes, mas muitas vezes negligenciados.

De más práticas realizadas por um profissional de SEO anterior a um ataque negativo de SEO, você pode acabar tendo links nocivos redirecionando para o seu site por muitas razões diferentes. E, mais uma vez, a transparência é a melhor abordagem. 

É uma boa ideia usar uma visão geral da ferramenta Auditoria de backlinks nos relatórios. Ela mostra (com sorte) a baixa nocividade de links que levam para o seu site, além de destacar seu plano de ação para rejeitar ou remover links considerados tóxicos ou potencialmente tóxicos. 

Auditoria de backlinks

Relatórios sobre SEO local

Se tem uma empresa local, deve conhecer o Google My Bussiness. É uma plataforma importante para qualquer empresa que tenha presença física ou atenda clientes em seu endereço.

Como profissional de SEO, você precisa incluir essa plataforma — ela é o complemento principal a ser adicionado aos seus relatórios quando estiver trabalhando em SEO local.

Por padrão, você não pode integrar o Google My Business com o Data Studio, mas há um conector que ajuda a fazer justamente isso.

image.png

Quais métricas são importantes incluir no relatório de SEO local?

Para começar, recomendamos:

  • Impressões

  • Visualizações

  • Total de ações

  • Visualizações de fotos (comerciantes)

  • Visualizações de publicações

  • Avaliações

  • Classificação média das avaliações

Essas são métricas essenciais que importam para as empresas locais, por isso, mostre o progresso da sua campanha e crie pontos de discussão. Se quiser colocar mais informações em um relatório específico para SEO local, confira nosso guia aqui.

Relatórios sobre conversões

As conversões são a força vital de qualquer empresa e, de muitas maneiras, são o principal KPI de qualquer campanha de SEO.

No final das contas, executamos campanhas de SEO para aumentar o tráfego do site e conversões associadas para gerar leads ou fazer vendas — ou seja, essas são as metas finais. Devemos incluir as conversões, caso contrário, estamos apenas informando uma parte do cenário.

Confie quando dizemos que investimentos são feitos na perspectiva de retorno financeiro. Você sabe o que dizem: posicionamentos são vaidade, conversões, sanidade. É absolutamente essencial que os relatórios de SEO mostrem claramente essas métricas de meta final.

Esperamos que, a essa altura, você já tenha tido uma conversa com o cliente ou chefe sobre as conversões que importam, então não esqueça de incluí-las.

Não agrupe diferentes tipos de conversões

Mas não caia na tentação de agrupar diferentes conversões para mostrar “todas as conversões”. Isso não agrega sentido, e muitas vezes frustra quem lê o relatório. Se você faz reservas no site, mas também recebe consultas via formulário, deve ter duas seções diferentes para elas no relatório.

A maneira mais eficaz de importar conversões para o relatório é do Google Analytics, importando conversões de metas ou transações de e-commerce (ou ambas, se necessário). Confira como fazer isso em mais detalhes aqui.

Outros pontos que podem ser incluídos no relatório de SEO

Além de informar as principais métricas, recomendamos sempre que você inclua alguns slides com resumo nos relatórios de SEO. No mínimo, eles devem ser:

Atividades concluídas no mês

O que você fez neste mês? Esta é a sua chance de demonstrar claramente onde os recursos disponíveis foram utilizados. 

Plano para o próximo mês

Aqui você pode mostrar no que trabalhará no mês seguinte. Novamente, isso define o cenário para as atividades que você realizará nos próximos 30 dias e define claramente as expectativas. Isso é muito importante para garantir uma comunicação eficaz, mas muitas vezes é esquecido.

Resumo profissional

Um relatório por si só são apenas números e gráficos. Você precisa garantir que o contexto será adicionado com sua avaliação profissional.

  • Deu tudo certo? Diga o que contribuiu para isso.

  • As coisas não foram tão bem? Da mesma forma, explique os problemas. 

Incluir uma página com essas informações pode ser muito útil para comunicar o progresso em um nível mais amplo, e pode ajudar a definir o cenário das reuniões mensais. 

Um modelo de relatório de SEO que você pode usar

Agora você sabe quais são as principais métricas que deve informar aos clientes ou chefes, mas como transformá-las em um relatório real? 

Primeiro, é importante entender que os relatórios quase sempre devem ser personalizados para o cliente ou empresa para a qual você está trabalhando. Cada empresa valoriza requisitos e métricas específicas, e você precisa se comunicar efetivamente usando eles.

É necessário ter um ponto de partida. E, em nosso entendimento, isso é usar o Google Data Studio. Talvez normalmente você apresente aos clientes relatórios de visão geral estáticos, PDFs, documentos do Word, planilhas — geralmente ao final de cada mês. Mas, como já dissemos, os clientes merecem mais.

O Google Data Studio permite criar painéis atualizados em tempo real. Os dias de relatórios estáticos já acabaram, e acreditamos fortemente que, hoje em dia, você precisa fornecer relatórios que permitam que os clientes ou chefes verifiquem o progresso a qualquer momento.

E esse é nosso objetivo depois de detalhar algumas das métricas que você poderia incluir nos relatórios. Nem todos conhecem o Data Studio. Também veremos onde encontrar informações para relatórios que podem ser necessários fora de um ambiente do Data Studio.

Aqui na Semrush, lançamos recentemente nosso próprio modelo de SEO do Google Data Studio para facilitar a criação de relatórios incríveis. 

Relatório de SEO, GDS na Semrush

Recomendamos que você o use como ponto de partida. Também é uma ótima maneira de se familiarizar com o GDS se ainda não tiver usado a plataforma antes. Esse modelo é o ponto de partida perfeito para criar um ótimo painel de relatórios que você pode continuar personalizando de acordo com suas necessidades.

Se quiser aperfeiçoar ainda mais suas habilidades do Data Studio, confira alguns recursos incríveis que recomendamos que você analise:

Depois que você pegar o jeito do GDS, aprenderá a gostar dele e perceberá que há muitas maneiras de melhorar os relatórios. 


Este é nosso um guia prático para produzir relatórios de SEO melhores usando métricas que realmente importam. Basta não esquecer do objetivo principal do relatório e de comunicar o sucesso e progresso.

Não inclua métricas que não sejam relevantes e sempre converse com clientes ou partes interessadas da empresa para descobrir como pode facilitar o trabalho deles com os relatórios enviados.

Author Photo
Erich CasagrandeTrabalho como Marketing Manager Lead da SEMrush no Brasil e sou responsável pelas ações de marketing que envolvem a marca em diferentes canais. Sou apaixonado por comunicação e por aprender cada vez mais sobre o universo do Marketing Digital.
More about SEO Básico
7 dicas de SEO para sites novos (com checklist)Ter um site é fundamental desenvolver sua presença de marca e com SEO o seu site pode ter um posicionamento melhor nas páginas de resultados de mecanismos de pesquisa como o Google e o Bing. Nesta checklist para iniciantes e novos sites, vamos detalhar as principais dicas de SEO.
9 min read
SEO On-Page: um guia completo para 2021Neste guia, vamos discutir por que o conteúdo On-page de qualidade é importante tanto para seu público-alvo quanto para os mecanismos de pesquisa e passar por alguns fatores importantes de SEO On-page que podem ajudar a melhorar seus ranqueamentos. Leve sua página para o próximo nível com SEO On-page que ajuda os mecanismos de pesquisa a encontrar e ranquear seu conteúdo.
12 min read
Meta keywords: Vale a pena usar?Por que ainda estamos falando sobre meta keywords em 2021? Embora os principais mecanismos de pesquisa optem por não usá-las, parece que outros ainda estão usando a tag. Descubra o que você precisa saber neste guia rápido e informativo.
6 min read
10 Maneiras de melhorar o SEO em 2021 e impulsionar seu rankingCom mais de 3,5 bilhões de pesquisas no Google por dia, para ter uma posição alta o suficiente para que os visitantes potenciais encontrem o seu conteúdo, você precisa seguir as regras do Google. SEO sempre precisa de monitoramento e constante melhora, mas você sabe o que priorizar em 2021? Confira 10 dicas para impulsionar seu tráfego orgânico neste ano.
15 min read