5 dicas de como escrever um post de blog com ótimo conteúdo

Erich Casagrande

Aug 18, 202112 min read
como escrever um post de blog

Para alguns, preencher uma página inteirinha é muito fácil. Para outros, é absolutamente impossível. O fato é que, independentemente do quanto a escrita seja natural para você, escrever um post de blog não se trata apenas de digitar alguns parágrafos. Para criar um conteúdo de qualidade, com consistência, bem pesquisado, envolvente e que tenha um bom desempenho nos mecanismos de pesquisa, é provável que precisará de algumas dicas de como escrever um post de blog.

É aí que entramos.

Organizamos nossas cinco principais dicas para escrever um post blog, assim como nossas principais ferramentas recomendadas que podem ajudar a pesquisar e criar um artigo bem escrito:

  • 1. Use uma ferramenta de pesquisa para encontrar ótimos tópicos
  • 2. Use a Keyword Magic Tool para determinar as palavras-chave que serão segmentadas
  • 3. Pesquise, pesquise, pesquise
  • 4. Use o SWA para organizar seu artigo e otimizar
  • 5. Otimize seus H1s, conteúdos e URLs
  • Precisa de mais ajuda e escala? Pode usar o Marketplace da Semrush
  • É hora de escrever seu artigo otimizado para SEO

Crie conteúdo otimizado

com o SEO Writing Assistant

ADS illustration

1. Use uma ferramenta de pesquisa para encontrar ótimos tópicos

O primeiro passo para escrever um post de blog é escolher um bom tópico. Se a sua cabeça está zunindo só de tentar descobrir sobre o que as pessoas querem ler no seu nicho, temos uma ferramenta que pode ajudar. A ferramenta Topic Research da Semrush foi projetada perfeitamente para pensar e organizar suas ideias de conteúdo. 

A ferramenta Topic Research descreve tópicos que condizem com o seu público habitual e identifica os artigos mais populares de diferentes sites e suas tendências no Google.

Tudo o que você precisa fazer é entrar na Semrush, abrir a ferramenta Topic Research e inserir uma palavra-chave para verificar os resultados. A ferramenta fornecerá opções de subtópicos. Você pode organizar os resultados por:

  • Volume: os resultados mais procurados
  • Dificuldade: o número de pessoas que já tenta se posicionar com um termo e (como consequência) o quanto é difícil se posicionar considerando a concorrência
  • Eficiência do tópico: resultados baseados nos dois fatores acima combinados
  • Tendências: os tópicos mais populares nos últimos 60 dias
Topic Research exemplo Semrush

Ao clicar em um subtópico, você tem ainda mais informações sobre:

  • Títulos que geram identificação: os dez títulos mais importantes (conforme decidido pelo número de backlinks de uma página)
  • Perguntas que as pessoas fazem: essas sugestões de tópicos se relacionam com perguntas comuns que as pessoas fazem em torno da palavra-chave. É uma boa ideia utilizá-las, pois o conteúdo que responde a perguntas específicas tem uma chance maior de entrar em um featured snippet
  • Consultas de pesquisa relacionadas: é o que oferece uma perspectiva do cenário mais amplo em torno da palavra-chave, mostrando os padrões de pensamento dos usuários. Pode dar mais dicas sobre como escrever seu artigo.

Se você quiser saber mais sobre essa ferramenta, pode ler nosso post no blog sobre como gerar ideias de conteúdo com a Topic Research.

Agora você sabe sobre o que os usuários leem no seu nicho e como preencher uma lacuna do mercado. Colete seus tópicos em potencial e comece a reduzi-los ao criar um plano para seu artigo.

Perguntas topicos Semrush

Se você quiser saber mais sobre essa ferramenta, pode ler nosso post no blog sobre como gerar ideias de conteúdo com a Topic Research.

Agora você sabe sobre o que os usuários leem no seu nicho e como criar um conteúdo que atenda essas ideias. Pode coletar seus tópicos em potencial e comecar a reduzi-los para criar um plano para seu artigo.

Gere ideias de conteúdo

com a ferramenta Topic Research

ADS illustration

2. Use a Keyword Magic Tool para determinar as palavras-chave

Depois de decidir seu tópico, o próximo passo é encontrar suas palavras-chave para otimizar seu artigo e se posicionar bem nas SERPs. Para encontrar as palavras-chave certas para o seu conteúdo, você vai precisar da ajuda de uma ferramenta. E lembre-se, encontrar as palavras-chave para escrever seu post blog é um das partes mais importantes da estratégia de SEO para blogs.

A Keyword Magic Tool da Semrush é perfeita para descobrir palavras-chave valiosas. Você pode descubrir milhares de palavras-chave de cauda longa com apenas um clique. No exemplo abaixo, a pesquisa resultou em 146.964 palavras-chave relacionadas que você poderia usar para escrever um artigo otimizado para SEO sobre alimentos para cães. 
Você pode observar que automaticamente a ferramenta sugeriu um termo mais adequado dentro da correspondência ampla. Seu você deseja o termo exato, basta clicar em "correspondência exata".

Alimentos para cães keyoword

Mas não há motivo para se preocupar com todas essas opções. É fácil pesquisar e filtrar as palavras-chave, verificar sua relevância por volume de palavras, porcentagem de dificuldade de palavra-chave, custo por clique, densidade competitiva, recursos e resultados nas SERPs. Os modificadores de correspondência permitem restringir ainda mais a pesquisa:

Através do filtro de perguntas, você encontra até as melhores palavras-chave baseadas em perguntas. A Semrush faz o trabalho árduo. Tudo o que você precisa fazer é escolher e compilar suas palavras-chave. Assim, saberá quais termos incluir no seu texto para garantir que ele apareça mais acima nos resultados de pesquisa. 

Duas dicas de bônus para usar a ferramenta:

  1. Palavras com alto CPC estão relacionadas à alta intenção do comprador, ou seja, arrebatar posicionamentos mais altos para elas tem um ROI alto, mas às vezes as posições mais altas são muito competitivas. CPC significa Custo por Clique, o que sugere que muitos criadores de pesquisa paga já gastam muito dinheiro com essas palavras-chave. Essas SERPs provavelmente estão repletas de mais anúncios pagos do que os resultados orgânicos.
  2. Não tenha medo de palavras-chave de cauda longa com menor volume de pesquisa. É mais fácil se posicionar na primeira página das SERPs ao segmentar palavras-chave de cauda longa quando as pessoas as procuram porque há menos concorrência.

Confira nossa postagem no blog sobre como fazer pesquisa de palavras-chave de baixa concorrência para saber mais. E assim, você já está mais perto de publicar um artigo de alto desempenho.

Consiga sugestões de palavras-chave

com a ferramenta Keyword Magic, o maior banco de dados de palavras-chave do mercado

ADS illustration

3. Pesquise, pesquise, pesquise

Claro, essas dicas de como escrever um post de blog não são nada sem uma boa pesquisa à moda antiga. Para ter um bom desempenho, um conteúdo otimizado para mecanismos de pesquisa deve levar em conta os seus os usuários. Deve ser informativo, baseado em fatos e atender à intenção de pesquisa do usuário. 

Então, depois de descobrir os tópicos e as palavras-chave que aumentarão seu artigo nos posicionamentos de pesquisa, é hora de conferir suas informações.

Para evitar cair no buraco negro da Wikipédia, concentre sua pesquisa nas palavras-chave que você já adquiriu por meio das ferramentas da Semrush. Depois, use os recursos "as pessoas também perguntam" e "pesquisas relacionadas" para definir as informações que as pessoas querem saber sobre o seu tópico.

Pessoas também perguntam exemplo

Pesquisas relacionadas:
 

pesquisa relacionada google

Defina um limite de tempo para que você não se perca nas pesquisas e fique sem tempo para escrever. Em seguida, consulte o maior número possível de artigos relevantes e respeitáveis sobre o assunto. 

Se você já conhece um site em que você confia em seu campo ou nicho e quer ler seu artigo com melhor posicionamento, uma boa dica é pesquisar no Google “site:” antes da URL do site e adicionar a palavra-chave que você está procurando nesse site.

Por exemplo, se quiséssemos saber o que já foi escrito sobre a palavra-chave “blog” no blog da Semrush, poderíamos fazer isto:

exemplo de busca no google

Como você pode perceber, todos os resultados são da seção do blog do site da Semrush e se concentram na palavra-chave "blog". Provavelmente há muitos redatores por aí que já fizeram o trabalho pesado, você pode analisar as mesmas fontes e entender as informações.

Outra vantagem de uma pesquisa bem feita é que, depois de saber as informações que outras pessoas estão cobrindo em seu espaço, você pode ter certeza de que o conteúdo que está produzindo está de acordo com o que os usuários esperam encontrar. Além disso, boas pesquisas também descobrem questões possivelmente não abordadas em post blogs mais antigos. Preencha esses gaps preciosos com seu conteúdo novo e exclusivo para que seu artigo se destaque. 

Agora você tem mais informações necessárias para escrever um ótimo post blog.

4. Use o SWA para lapidar seus post blog

Talvez você já tenha feito os passos acima e esteja trabalhando no seu primeiro texto. Agora é a hora dos detalhes. Antes de publicar, você precisa descobrir o se seu texto está bem escrito e editá-lo se for preciso. 

Claro, você poderia revisá-lo por conta própria, gastar algumas horas analisando o texto e compará-lo com o dos concorrentes. Depois, pode passar mais uma hora ou mais fazendo alterações, revisando mais uma vez e pedindo a um amigo para dar uma olhada. 

Ou você pode deixar o SEO Writing Assistant (SWA) da Semrush cuidar disso tudo. Com essa ferramenta, tudo o que você precisa fazer é implementar algumas ótimas sugestões.

O processo é fácil. Coloque seu texto na caixa de texto e receba o feedback imediatamente dizendo o quanto está otimizado.

SWA Semrush exemplo

O melhor sobre o SWA é o número de atributos diferentes que ele verifica. Alguns incluem:

  • Legibilidade e contagem de palavras: descubra se o conteúdo não tem uma boa legibilidade em comparação com a pontuação média dos seus 10 principais concorrentes do Google. Verifique se o tamanho do texto corresponde à média para o assunto.
Legibilidade SWA Semrush
  • SEO: receba recomendações de palavras-chave que podem agregar valor ao seu texto e melhorar o desempenho de SEO. 
SEO SWA Semrush
  • Título: verifique se você usou sua palavra-chave principal no título e se o título tem um tamanho adequado.
  • Links: saiba o número ideal de links para usar no texto, descubra links quebrados e identifique links sem texto âncora.
SWA Semrush checks
  • Originalidade: identifique possíveis plágios no texto. Lembre-se que você pode excluir seu próprio domínio.
Originalidade SWA

Como você pode notar, outro benefício do SWA é que ele permite comparar seu artigo com o que a concorrência publicou. Ao usar o SWA, você garante que seu desempenho é tão bom quanto o da concorrência. Implementar sugestões do SWA leva seu conteúdo a um padrão ainda mais alto. Isso ajuda muito a escrever um bom post blog.

Receba recomendações de escrita

com o SEO Writing Assistant

ADS illustration

5. Otimize seus H1s, meta descrições e URLs

Nossa dica final para escrever post blogs é verificar como e onde você usou suas palavras-chave para garantir que seu artigo esteja o mais otimizado possível para os mecanismos de pesquisa. Vamos conferir onde usar palavras-chave no texto, suas meta tags e sua URL.

Como otimizar o conteúdo do seu artigo

Você deve incluir suas palavras-chave na tag de título H1 e de intertítulo H2 para criar um post blog bem otimizado. Isso ajuda no SEO, pois verificar e rastrear H1s e H2s ainda é uma parte central do algoritmo de posicionamento de pesquisa do Google.

Também é importante estar ciente dos lugares em que você usa palavras-chave no corpo do seu texto. O que quer que faça, tem que evitar a canibalização e o uso excessivo de palavras-chave — se não fizer isso, pode prejudicar o SEO.

Canibalização e uso excessivo de palavras-chave

A canibalização de palavras-chave ocorre quando você tem muitos artigos diferentes no site que se posicionam para as mesmas palavras-chave no Google. Não é interessante competir consigo mesmo, então deve encontrar onde e quando está canibalizando suas palavras-chave. 

Para evitar a canibalização, saiba com o que já se posiciona e faça ajustes no seu conteúdo de acordo. Para o artigo que você está escrevendo no momento, não deixe de priorizar as palavras-chave para as quais já se posiciona e estará tudo pronto.

O uso excessivo de palavras-chave também pode ser perigoso para o desempenho de um post blog. Os sinais de que você está usando palavras-chave em excesso em um artigo são:

  • Repetir as palavras-chave sem necessidade.
  • Usar palavras-chave onde elas não se encaixam naturalmente.
  • Usar palavras que não são relevantes para o seu artigo porque você sabe que elas estão no topo dos resultados do mecanismo de pesquisa.

Para evitar o uso excessivo de palavras-chave, não as use muitas vezes sem alterá-las — ajuste e adapte-as nas frases de acordo com a gramática e para criar variedade. 

Felizmente, o SEO Writing Assistant da Semrush verifica seu texto quanto ao preenchimento de palavras-chave e destaca as palavras que são usadas com muita frequência. 

Excesso de palavra-chave

É um ótimo lugar para verificar se você está escrevendo bem.

Como otimizar o conteúdo meta e URL

Se você quiser publicar um artigo de alto desempenho, também deve otimizar seu conteúdo meta (título e descrição) e URL. Isso significa fazer todo o possível para que seu conteúdo pareça interessante e receba cliques na SERP. Algumas dicas importantes para descrições e títulos meta incluem:

  • Ter um título e uma descrição únicos para cada artigo
  • Evitar títulos e descrições longos (um título geralmente deve ter menos de 60 caracteres; uma descrição deve ter entre 140 e 160 caracteres)
  • Corresponder à intenção de pesquisa
  • Incluir uma palavra-chave principal
  • Usar linguagem ativa e call to action na descrição

Algumas dicas para uma boa URL incluem:

  • Usar sua palavra-chave
  • Simplicidade e facilidade de leitura
  • Ter entre 3 e 5 palavras

Como é muito importante otimizar essas partes do artigo, escrevemos muitos outros conteúdos sobre o assunto. Então, para saber mais sobre o que são meta tags e as melhores práticas de SEO para URLs, confira nosso blog. 

Se você implementar essas verificações finais antes de publicar seu artigo, estará em uma condição melhor para ter um bom desempenho nos mecanismos de pesquisa e atrair mais leitores.

Receba recomendações de escrita

com o SEO Writing Assistant

ADS illustration

Precisa de mais ajuda? Use o serviço de redação de artigos da Marketplace da Semrush

É claro que escrever um bom artigo pode tomar muito tempo e esforço. Embora seguir nossas principais dicas facilite e seu trabalho árduo valerá a pena, há outra opção se seu tempo for curto: consultar um profissional.

Se você prefere terceirizar a escrita para especialistas, a Marketplace da Semrush é o ponto de partida. Você pode encomendar o conteúdo de que necessita com apenas um clique. Com a Semrush, é fácil recrutar redatores confiáveis e se juntar aos 6 milhões de usuários que aproveitam os serviços da Marketplace. O conteúdo que você recebe como resultado é sempre adaptado exclusivamente às suas especificações e pode até ser otimizado para SEO. 

Se você precisa de um artigo, uma newsletter por e-mail ou um comunicado de imprensa, a Marketplace da Semrush pode ajudar. Dúvidas? Confira nossas Perguntas Frequentes sobre a marketplace da Semrush aqui.

É hora de escrever seu post blog otimizado para SEO 

Agora você já conhece nossas cinco principais dicas para escrever bons artigos. Seja qual for o assunto, e se será você que vai escrevê-lo, já está tudo encaminhado para criar um artigo interessante e informativo ideal para usuários e mecanismos de pesquisa. 

Solicite conteúdo escrito profissionalmente

com a Content Marketplace da Semrush

ADS illustration
Author Photo
Erich CasagrandeTrabalho como Marketing Manager Lead da Semrush no Brasil e sou responsável pelas ações de marketing que envolvem a marca em diferentes canais. Sou apaixonado por comunicação e por aprender cada vez mais sobre o universo do Marketing Digital.
Subscribe to learn more about Marketing de Conteúdo
By clicking “Subscribe” you agree to Semrush Privacy Policy and consent to Semrush using your contact data for newsletter purposes