pt
English Español Deutsch Français Italiano Português (Brasil) Русский 中文 日本語
Envie um artigo
Ir ao blog

A anatomia dos artigos com melhor desempenho: Conteúdo bem-sucedido versus invisível - Estudo da SEMrush

91
Wow-Score
A pontuação Wow-Score mostra o quão atrativa é uma postagem de blog. É calculada com base na relação entre o tempo de leitura de usuários ativos, a velocidade de rolagem e o tamanho do artigo.

A anatomia dos artigos com melhor desempenho: Conteúdo bem-sucedido versus invisível - Estudo da SEMrush

Alina Petrova
A anatomia dos artigos com melhor desempenho: Conteúdo bem-sucedido versus invisível - Estudo da SEMrush

O que faz um artigo se destacar?

Não existe uma fórmula secreta para criar artigos altamente atraentes que funcionem para todos os blogs ou marcas. No entanto, várias pesquisas demonstraram consistentemente uma forte correlação entre determinadas características do conteúdo e o desempenho dele.

Com dados à nossa disposição, interesse em pesquisa e desejo de encontrar as interconexões menos óbvias, coletamos mais de 700.000 artigos e analisamos diferentes métricas desses conteúdos. Temos o prazer de apresentar os resultados deste estudo abaixo e esperamos que ele ajude você a melhorar sua estratégia de conteúdo de 2020. 

Principais Conclusões

  • Conteúdos longos de mais de 3000 palavras obtêm 3x mais tráfego, 4x mais compartilhamentos e 3,5x mais backlinks que artigos de tamanho médio (901 a 1200 palavras).

  • Os artigos mais curtos (300 a 900 palavras) costumam ter zero compartilhamentos 4,5 vezes mais frequentemente do que conteúdos longos de mais de 3000 palavras.

  • Os artigos com títulos longos (mais de 14 palavras) recebem 2x mais tráfego, 2x mais compartilhamentos e 5x mais backlinks do que artigos com títulos curtos (7 a 10 palavras).

  • Os artigos com títulos de lista (por exemplo "N coisas ...", "N maneiras ..." etc.) recebem 2x mais tráfego e 2x mais compartilhamentos sociais do que outros tipos. Outros tipos de títulos de sucesso são  manuais e artigos de "como fazer" .

  • 36% dos artigos com tags H2 + H3 têm desempenho superior em termos de tráfego, compartilhamentos e backlinks.

  • Artigos com 5 listas por cada 500 palavras, em comparação aos artigos sem lista, recebem 4x mais tráfego e 2x mais compartilhamentos sociais.

Anatomy of Top Performing Articles

Visão Geral Detalhada do Conteúdo de Sucesso: Descobertas

Para esta pesquisa tentamos estabelecer os valores de referência para as características mais comuns do conteúdo, especificamente:

Descubra como essas características afetam o desempenho de um conteúdo.

1. Comprimento do artigo: Impacto no desempenho

Antes de publicar um artigo, uma das principais dificuldades enfrentadas pelos criadores de conteúdo é definir o quanto abrangente e completo deve ser o post.  Portanto, nesta pesquisa, a primeira característica de conteúdo que analisamos é o tamanho do artigo. Queremos para verificar se ele se correlaciona com o desempenho de um artigo. 

Nossa pesquisa de Fatores de ranqueamento já provou que as páginas com conteúdo mais longo têm ranqueamentos mais altos, em média. A principal intenção na época era descobrir se há uma correlação entre o comprimento do conteúdo e a posição de uma página nos resultados da pesquisa.

Dessa vez, queríamos ver se há uma correlação entre o comprimento de um artigo e seu desempenho geral - engajamento social, tráfego e perfil de backlinks. 

Article Length Impact on Performance

Conclusão chave: Em comparação com artigos de tamanho médio (901 a 1200 palavras), o conteúdo de formato longo (mais de 3000 palavras) possui:

  • 3x mais tráfego

  • 4x mais compartilhamentos sociais

  • 3.5x mais backlinks

Non-shared Articles by Length

Conclusão chave: Os artigos mais curtos (300 a 900 palavras) costumam ter zero compartilhamentos 4,5 vezes mais frequentemente que os conteúdos longos (mais de 3000 palavras).

Descobrimos que o conteúdo longo com mais de 3000 palavras apresenta um desempenho melhor do que artigos mais curtos. 

O estudo comprova a hipótese de que os posts mais abrangentes e detalhados chamam mais atenção e têm maior engajamento.  Outras pesquisas realizadas por Brian Dean e HubSpot têm resultados semelhantes: posts mais longos costumam ter melhor desempenho em todos os níveis, conteúdo de 3000 palavras obtém 77,2% mais links em comparação com conteúdos de 1000 palavras e artigos com mais de 2.500 palavras recebem mais compartilhamentos em redes sociais. 

E o pior é que, se o seu artigo contiver menos de 3.000 palavras, com base em nosso estudo, há apenas uma chance de 50 a 50 de que você obtenha compartilhamentos nas redes sociais.

No entanto isso não significa que você deve evitar o conteúdo curto. Queremos fazer uma ressalva crucial aqui: o tamanho do conteúdo deve variar, dependendo da intenção do usuário e, em segundo lugar, do tipo de conteúdo. 

O SEO Writing Assistant ajuda a identificar o tamanho apropriado para o seu conteúdo futuro com base nas palavras-chave que você deseja usar no artigo.

Otimize seu conteúdo

com a SEO Writing Assistant

Digite o seu domínio (ex. www.exemplo.com)

2. Comprimento do Título H1 do Post: Impacto no desempenho

Criar títulos atraentes e chamativos para os leitores e para o Google é uma arte. A tag H1 representa o momento decisivo em que o seu público e mecanismos de pesquisa entendem do que se trata o artigo. Portanto, é crucial passar o valor que um conteúdo traz à primeira vista. 

Queríamos analisar vários fatores de H1 e a correlação deles com o desempenho de um artigo. 

O primeiro fator que verificamos é o comprimento da tag H1, e esperamos que as nossas descobertas possam ajudá-lo a entender o quão longo seu título deve ser para gerar mais engajamento e tráfego.

H1 Tag Length Impact on Performance

Conclusão chave: Os artigos com títulos mais longos (mais de 14 palavras) em comparação com os títulos mais curtos (7 a 10 palavras) obtêm, em média:

  • 2x mais tráfego

  • 2x mais compartilhamentos

  • 5x mais backlinks

Como você pode ver, os artigos com títulos mais longos têm melhor desempenho em todos os parâmetros - visualizações de página, compartilhamentos e backlinks. A pesquisa da Backlinko também confirma esses dados - títulos com 14 a 17 palavras geram 76,7% mais compartilhamentos sociais do que títulos curtos. 

Os títulos menos atraentes são aqueles que contêm menos de 7 palavras; eles obtiveram 2x menos tráfego e compartilhamentos em comparação com artigos com títulos um pouco mais longos (7 a 10 palavras).

A conclusão óbvia é que um título mais longo, comparado aos mais curtos, fornece mais informações sobre o valor de um artigo e, portanto, leva mais pessoas a lê-lo e compartilhá-lo.

3. Tipo de H1: Impacto no desempenho

A escolha do formato correto do artigo para um tópico é crucial não apenas para atrair a atenção do leitor, mas também para apresentar esse formato em um título.

A próxima característica importante que analisamos é o tipo de tag H1. Queríamos verificar se ele se correlaciona com o sucesso ou fracasso de um artigo. Com base na frequência de uso de algumas palavras em nosso conjunto de dados de artigos, dividimos as tags H1 em cinco grupos: perguntas, manuais, listas, instruções (como fazer) e outros, para ver qual tipo de tag funciona melhor.

Headline Type Impact on Performance

Conclusão Chave: Os artigos com listas no título recebem até 2x mais tráfego e até 2x mais compartilhamentos em comparação com outros tipos.

Este e outros estudos confirmam que os artigos de listas (aqueles que contém um número, por exemplo, "N coisas ...", "N maneiras ..." etc.) são os mais atraentes e mais compartilhados nas mídias sociais entre os tipos de títulos. Isso pode ser explicado por simplicidade e velocidade de percepção das informações por um leitor quando se trata de uma lista. Portanto, se você deseja obter o máximo de alcance nas mídias sociais, os artigos de listas podem ser uma boa aposta.

Não é de surpreender que os manuais e os artigos com instruções também gerem 2x mais tráfego em comparação com outros tipos, portanto, nossa sugestão é incluí-los ao seu plano de conteúdo.

A ferramenta Topic Research ajuda a encontrar os títulos e as perguntas mais relevantes relacionadas ao seu tópico.

Obtenha idéias de Conteúdo

com o Topic Research

Digite o seu domínio (ex. www.exemplo.com)

4. Profundidade da Estrutura do Post: Impacto no desempenho

Em seguida, examinamos a estrutura do texto - a distribuição da profundidade de títulos (tags H2, H3 e H4). Essas informações podem ajudá-lo a entender formatar o seu texto para obter mais engajamento e tráfego.

Analisamos a frequência do uso das tags H2, H3 e H4 juntas no conjunto de dados de nossos artigos e a correlação com o desempenho geral - tráfego, compartilhamentos sociais e backlinks.

Distribution of Heading Depth by Performance

Conclusão chave: 36% dos artigos com tags H2 + H3 têm alto desempenho em termos de tráfego, compartilhamentos e backlinks.

Concluímos que artigos bem estruturados (nesta pesquisa, artigos com tags H2 e H3) têm maior probabilidade de ter alto desempenho. 

Você também pode ver que não deve exagerar no uso de tags - apenas 11% dos artigos que contêm tags H4 mostram alto desempenho

A ferramenta Content Audit ajuda a monitorar o desempenho do seu conteúdo em apenas alguns cliques e divide automaticamente seus artigos com base nos dados do seu Google Analytics em quatro conjuntos para trabalhos futuros: 

  • Reescrever ou remover

  • Atualizar

  • Revisão rápida

  • Conteúdo fraco

Audite o conteúdo do seu site

com a Content Audit

Digite o seu domínio (ex. www.exemplo.com)

5. Listas: Impacto no desempenho do conteúdo

A última característica que analisamos é a presença de listas (tags <ul> e <ol>), a distribuição deles no conteúdo e a correlação geral com o desempenho do post. 

Como descobrimos anteriormente, artigos com títulos de lista têm melhor desempenho do que outros tipos. Por isso, decidimos verificar o número exato de listas recomendado por artigo para gerar melhor tráfego, compartilhamentos sociais e backlinks.

Number of Lists Impact on Performance

Conclusão chave: Os artigos com 5 listas por cada 500 palavras em comparação aos artigos sem lista obtém:

  • 4x mais tráfego

  • 2x mais compartilhamentos sociais

Nossos dados mostram que a presença de listas aumenta o desempenho do seu artigo e, quanto mais listas você usar, melhor para o seu artigo. 

Metodologia de Pesquisa

Reunimos 700.000 URLs de artigos de domínios com uma seção de blog e entre 50.000 e 500.000 exibições de página únicas mensais médias. 

Para avaliar o desempenho de cada artigo, avaliamos o tráfego (média de visualizações de página únicas), o engajamento nas mídias sociais (Twitter + Facebook) e os backlinks.

Depois disso, tentamos estabelecer os valores de referência para as características mais comuns do conteúdo, especificamente:

  • Comprimento

  • Tipos de título (instruções, listas, perguntas, manuais / estudos, etc.)

  • Comprimento de Listas

  • Estrutura (profundidade de tags)

  • Uso de Listas

Plataforma de Conteúdo da SEMrush

Capacite sua estratégia de conteúdo com dados

Digite o seu domínio (ex. www.exemplo.com)

Conclusão

De acordo com nossa pesquisa, podemos ver que um artigo detalhado e bem estruturado apresenta melhor desempenho. Isso pode ser explicado pelo fato do que ele fornece respostas abrangentes às perguntas dos leitores e todas as informações necessárias para resolver o problema.

Também é crucial que um artigo seja fácil de ler e entender, e é aí que a estrutura de um artigo desempenha um papel importante. Mas, acima de tudo, o desempenho do conteúdo depende do seu setor e público. 

Nossa pesquisa mostra apenas uma tendência geral que pode ajudá-lo a escolher uma direção no desenvolvimento de sua estratégia de conteúdo. Nossas descobertas ressoam com sua experiência de criação de conteúdo? Você já tentou aplicar essas práticas ao escrever artigos? O que funciona melhor para você?

Assista o nosso Webinar "Melhores Atualizações da SEMrush de 2019"

Alina Petrova
SEMrush

SEMrush employee.

Speaker, blogger and Content Marketing expert with more than 5 years of experience in content creation and distribution. Creator of the French SEMrush Blog, one of the most popular corporate marketing blogs in France. Passionate about languages, modern art and new technologies.
Compartilhar esta postagem
or

Comentários

2000
Cezar Augusto Gehm Filho
Especialista

Fornece informações valiosas e acrescenta ideias profundas durante as conversas.

Que belo material Alina! O resumo "Principais Conclusões" me diz que estamos no caminho certo. De qualquer forma, passei artigo para o meu time dar uma estudada e identificar potenciais melhorias nas nossas estratégias!
Alina Petrova
SEMrush

SEMrush employee.

Cezar Augusto Gehm Filho
Obrigado por compartilhar, Cezar! Espero que essas informações sejam úteis para melhorar sua estratégia de marketing de conteúdo :) Seria ótimo se você e sua equipe pudessem compartilhar sua experiência conosco depois!
Cezar Augusto Gehm Filho
Especialista

Fornece informações valiosas e acrescenta ideias profundas durante as conversas.

Alina Petrova
Já preparei conteúdo. Aguardando a aprovação de vocês.
Entusiasta

Às vezes participa das conversas.

Muito legal, aprendi bastante!
Muito obrigada,
sonia.
Alina Petrova
SEMrush

SEMrush employee.

Sonia Pedrosa
Obrigada pelo seu comentário, Sonia! Fico feliz que você ache esse artigo útil :)

Enviar feedback

Your feedback must contain at least 3 words (10 characters).

Só vamos utilizar este email para te enviar a resposta para o seu feedback. Política de Privacidade

Thank you for your feedback!