SEO para Mobile: Conselhos de Especialistas

80
Wow-Score
A pontuação Wow-Score mostra o quão atrativa é uma postagem de blog. É calculada com base na relação entre o tempo de leitura de usuários ativos, a velocidade de rolagem e o tamanho do artigo.
Saiba mais

SEO para Mobile: Conselhos de Especialistas

Maria Chizhikova Marques
SEO para Mobile: Conselhos de Especialistas

Não é segredo que a tendência mais quente dos últimos anos no mundo de marketing digital é o crescimento de segmento de Mobile. As tarefas que eram antigamente feitas exclusivamente no computador hoje em dia estão sendo feitas a partir de dispositivos móveis.

Em maio de 2017 a SEMrush fez um estudo comparando a quantidade de pesquisas feitas pelo celular, tablet e computador em vários países do mundo e descobriu que o Brasil está em terceiro lugar entre países que mais usam celular para pesquisar no Google (atrás dos EUA e Índia)  

 A tendência mostra que o futuro pertence aos celulares, chegou a hora de adaptar nossos sites à esses dispositivos para garantir melhor experiência do usuário. Mas mesmo se você já é amigo de SEO para computador, otimização para Mobile levanta outros pontos de atenção que precisam de abordagens diferentes.

Para ajudá-los a ranquear bem na pesquisa Mobile organizamos a Mesa Redonda e  convidamos Felipe Bazon, John Martin,  Raphael Lassance, Leandro Vieira e Will Trannin para falar dos seguintes questões:

Mas antes de falar com as especialistas fizemos mais uma pesquisa para qual conversamos com o público da SEMrush Brasil para descobrir o que nossos usuários pensam sobre o futuro de Mobile no Brasil:

seo-para-mobile-no-brasil.jpg

Nossos usuários acreditam fortemente no AMP e pesquisa semântica, agora vamos descobrir o que nossos especialistas pensam dessas tendências:

1. Quais são as principais tendências de Mobile Marketing e quais delas podemos aproveitar para melhorar ranqueamentos e conversões no mobile?

John Martin: Google está dando prioridade para Mobile porque as pessoas estão usando mais Mobile do que qualquer outro dispositivo. No entanto a conexão 4G no Brasil ainda não é muito boa, talvez por isso alguns clientes meus já perceberam o aumento de tráfego nas páginas deles com tecnologia AMP.

Outra tendência que vejo - Mobile está se integrando muito com mundo real, especialmente na questão de pagamentos - hoje em dia já existem tecnologias que permitem fazer pagamentos com um clique a partir de celular, facilitando a vida de usuários, que antigamente preferiam navegar no celular, adicionar produtos no carrinho e depois fazer a compra em casa usando computador e melhorando as métricas de conversão de Ecommerces

Felipe Bazon: Versão Mobile do seu site tem que ser planejada em primeiro lugar e o Desktop se adapta. Isso quer dizer que antes de criar um site é necessário analisar a experiência do usuário na tela menor para depois criar a versão Desktop. Na maioria dos casos o site mobile é o primeiro ponto de contato do usuário com o seu site, por isso é tão importante começar a estruturar o seu site por aqui.

 Leandro Vieira: Eu escolheria 3 pontos importantes - Mobile First, UX e Segurança. Os bots do Google já são inteligentes ao ponto de entender se o seu site proporciona uma boa experiência de usuário ou não, por isso aconselho focar no UX. E a segurança é um fator que pode acabar com todos seus esforços de marketing caso não for implementado corretamente. Mais e mais “pragas digitais” aparecem no ambiente Mobile e isso pode prejudicar seus ranqueamentos e UX do seu site

Raphael Lassance: Também queria mencionar a importância de UX, especialmente para ambiente de Ecommerce. É muito comum ver formulários difíceis e desnecessariamente longos que não são adaptados para preenchimento no celular e opção de “pagamento em um clique” faz muita falta

Will Trannin: Também não podemos esquecer 2 pontos importantes: Busca Local (de acordo com as pesquisas recentes 94% de usuários de smartphone procuram por informações locais) e Busca por Voz que está sendo usada cada vez mais

2. Como AMP pode impactar a pesquisa nos dispositivos móveis?  

Will Trannin: A principal vantagem de AMP é exposição maior no Google, mas ao mesmo tempo existem desvantagens, por exemplo, AMP não estimula o usuário a navegar pelo seu site. Por isso é importante incluir links para outras páginas do site permitindo o usuário interagir com seus outros conteúdos.

Raphael Lassance: Acredito que o protocolo ainda não está tão maduro para Ecommece e está mais focado em conteúdo por enquanto. As empresas de Ecommerce normalmente acabam acelerando páginas com conteúdos para poder incluir links de páginas de produtos e assim trazer usuários para o site.

Leandro Vieira: Existem 3 formatos concorrentes - AMP, Instant Articles do Facebook e Apple News. AMP é OpenSource e está ganhando mais força. Recentemente ouvimos que o Facebook está pensando em adaptar AMP também, abandonando Instant Articles - isso mostra que o protocolo está se desenvolvendo. Eu acredito muito no AMP e acredito que vai crescendo cada vez mais e que é uma ótima solução para realidades do Brasil onde temos 4G bastante lento.

Felipe Bazon: Diria que AMP faz muito sentido quando se trata de conteúdo por oferecer mais visibilidade no resultados de pesquisa. Mas não sou muito a favor do AMP, acredito que a tecnologia ainda não está muito desenvolvida e não oferece integração com GA, dificultando monitoramento. Mas se a sua estratégia estiver focada em conteúdo AMP é essencial.

John Martin: O problema é que o tráfego que vem do AMP traz menos conversão, assim que seria preciso otimizar as páginas com protocolo AMP acrescentando links internos. Eu pessoalmente começaria utilizar AMP o quanto antes para sair na frente dos concorrentes. A verdade é que não sabemos o que vai acontecer daqui a pouco, mas se Facebook adotar AMP você vai ganhar visibilidade também na Facebook.

3. Mobile SEO Checklist: Quais são as principais táticas técnicas de SEO para Mobile?

Raphael Lassance: Google está sempre batalhando pela navegação mais eficiente para cliente e experiência mais plena por isso ele está cada vez mais relutante contra pop-ups e plugins que atrapalhem navegação e no Mobile isso é ainda mais intenso. Por exemplo foi divulgado que o uso de pop-ups de página inteira vai atrapalhar ranqueamentos no Mobile. Se você está usando esse tipo de pop-up na sua página de desktop para coletar leads é importante fazer ajustes para a versão Mobile do seu site.

John Martin: Para começar é importante definir qual versão de site Mobile você vai usar - responsiva, dinâmica ou separada por domínio? Muitas questões técnicas dependem disso

Depois de escolher a versão mais adequada foque na experiência do usuário. Por exemplo, muitos sites têm letras minúsculas, provavelmente com intuito de conseguir posicionar a maior quantidade de texto possível na tela, mas o problema é que ninguém consegue ler. Outro problema são os botões e links não otimizados ao toque, por isso é recomendado criar menu de navegação mais amigável.

Por exemplo, você pode usar tags ao invés do campo de pesquisa comum que exige digitação.

Também não se esqueça de otimizar as imagens para Mobile - foque na velocidade e diminui o tamanho de imagens utilizadas na página

Leandro Vieira: Recomendo se preocupar com performance e experiência do usuário, especialmente com a velocidade da sua página. As ferramentas Google Test Mobile e Google Page Speed ajudam a avaliar esse fator. Também aconselho implementar o AMP e sempre fazer auditoria do seu site, por exemplo com a ferramenta Site Audit da SEMrush, já que é muito provável que mesmo com os Checklist alguma coisa vai ficar para trás.

Will Trannin: Para complementar, indo pelo lado de relevância e pesquisa de palavras-chave, acho que é muito importante entender como os usuários fazem pesquisa no Mobile (que é um pouco diferente do formato de pesquisa no Desktop).

De acordo com as pesquisas no Mobile as pessoas normalmente usam palavras mais curtas, buscam por localização e optam por busca por voz. Tenha isso em mente na hora de fazer a pesquisa de palavras-chave.

Felipe Bazon: Pegando o gancho de forma como as pessoas pesquisam no Mobile, existe um ponto importante que muitos acabam relevando na otimização - a quantidade de símbolos nos títulos e meta descrições. Estamos acostumados com 60 (título) e 160 (meta descrição) caracteres de Desktop e no Mobile essa quantidade é menor. Lembre-se que o tráfego hoje em dia é muito maior que desktop então foque na aparência do seu snippet no Mobile.

Outro ponto - muita gente ainda não está trabalhando a questão de microdados e marcação semântica e isso faz diferencial muito grande no Mobile hoje.

A teoria minha é que o crawl budget do Google bot para Mobile é mais otimizado, por isso fazer a marcação de microdados facilita o rastreamento e interpretação do bot.

Mais uma dica - para Mobile é importantíssimo priorizar o conteúdo acima da primeira rolagem!

4. Quais ferramentas podem ser usadas para testar, analisar e melhorar o desempenho no Mobile?

Leandro Vieira: Existem várias ferramentas que podem dar insights diferentes. O Google tem Google Page Speed e Google Test Mobile, são duas ferramentas básicas que eu aconselharia. O Page Speed vai dar pontuação de 0 a 100, o ideal é obter a partir de 85.

Também recomendo a SEMrush que vai crawlear todas suas páginas trazendo uma série de insights para otimizar sua página

Recomendo usar “The Mother Test” - se a sua mãe não consegue usar o seu site alguma coisa está errada!

— Raphael Lassance

Felipe Bazon: Quando falamos de performance eu gosto muito de Pingdom e Webpagetest. O problema do Google Page Speed é que é difícil agradar o Google e chegar aos 85 pontos. A Webpagetest permite fazer testes com conexões mobile no Brasil e dá informações interessantes sobre a velocidade de carregamento e insights de melhorias, ela é mais precisa que o Page Speed.

Outra ferramenta interessante é Teste de usabilidade - pega sua Persona e pede para que ela navegue pelo seu site no celular. Anote os comentários e as dificuldades que ela encontra, isso é o melhor jeito de melhorar a experiência do usuário do seu site.

E também queria recomendar a SEMrush que oferece plataforma mais robusta em termos de auditoria de sites

 Will Trannin: Eu separo as ferramentas em 4 áreas principais:

  • Pesquisa de palavras chave (Keywordtool.io - pesquisa de palavras-chave para app, SEMrush etc)

  • Ferramentas de analise de ranqueamneto e performance (SEOMonitor, SEMrush)

  • Análise de questões técnicas (Botify, Oncrawl, SEMrush)

  • Usabilidade (Hotjar)

John Martin: O primeiro passo que acaba sendo esquecido é navegar e perceber o site porque na navegação e percepção você consegue descobrir várias problemas. Às vezes a nossa percepção é diferente da percepção do usuário, por isso é importante usar mapas de calor e gravação de tela para ver exatamente o que o usuário está fazendo (por exemplo com a ferramenta Hotjar),

Em termos de varredura costumo usar Screamingfrog ou DeepCrawl. Para questões mais técnicas prefiro Search Console e Mobile Friendly Test.

Ao usar ferramentas é sempre importante configurar a ferramenta para rastrear a versão mobile e versão desktop separadamente para poder comparar o desempenho

5. SEMrush pode ajudar a melhorar seu desempenho Mobile!

Não é por acaso que nossos especialistas recomendam a SEMrush. Recentemente lançamos bases de dados focados nos dispositivos móveis que permitem rastrear o seu desempenho e o dos seus concorrentes com as seguintes ferramentas:

infographics-1.png

E você, já criou a versão Mobile do seu site? Implementou AMP? Queremos te ouvir, nos conte como a sua experiência de otimização para Mobile é diferente da otimização para Desktop!

Perdeu a Mesa Redonda? Não tem problema! Você pode assistir a gravação na íntegra aqui

Gostou desta postagem? Siga-nos no RSS e leia mais postagens interessantes:

RSS
Apaixonada por viagens, música e marketing digital, represento a SEMrush no mercado brasileiro e português.
Compartilhar esta postagem
or

Comentários

2000 caracteres restantes

Inscreva-se no Blog da SEMrush para receber conteúdo útil direto na sua caixa de email.

Obrigado!

Você se inscreveu no nosso blog com sucesso.