Como montar uma agência de marketing digital em 2023

Erich Casagrande

Mar 15, 202317 min de leitura
Como montar uma agência de marketing digital
Compartilhar

ÍNDICE

Em 2023, estima-se que US$ 571,16 bilhões serão gastos em publicidade digital em todo o mundo. É um aumento de 16,2% em relação aos US$ 491,70 bilhões gastos em 2021. Empresas de todos os tipos têm contratado agências de marketing digital para tocar suas estratégias on-line. 

Neste post, veremos o que você precisa fazer para montar uma agência de marketing digital em 2023. Acompanhe!

O que é uma agência de marketing digital?

A crescente popularidade da internet, smartphones e outros dispositivos conectados colocou o marketing digital como o foco da maioria dos negócios. Estudos mostram que passamos entre 5 a 8 horas por dia on-line. Isso cria oportunidades para as empresas encontrarem seus clientes.

Essas empresas entendem que precisam fazer negócios on-line. No entanto, muitas vezes elas não conseguem aproveitar totalmente as oportunidades por conta própria.

Nem todos os negócios têm os recursos (e o conhecimento) para lidar com o marketing internamente.

Nesse caso, eles podem contratar uma agência de marketing digital.

Esse tipo de empresa é especializada em alcançar clientes on-line por meio de sites, blogs, redes sociais, e-mail e até mesmo televisão. Uma agência de marketing digital pode ajudar outros negócios a construir sua base de clientes, aumentar as vendas e a fidelidade à marca.

Alguns nichos que se encaixam no guarda-chuva do marketing digital incluem SEO, redes sociais, anúncios pay-per-click, e-mail marketing, marketing de vídeo, marketing de influência, marketing de conteúdo e criação de sites.

Youtube video thumbnail

Quais são os tipos de agências de marketing digital?

Uma das grandes vantagens de administrar uma agência de marketing digital é que você tem 100% de liberdade. Você pode trabalhar com os clientes que desejar, oferecer o serviço que quiser, cobrar como preferir e trabalhar quantas vezes achar necessário.

Dito isso, existem alguns tipos de agências que são mais populares do que outras por causa da sua lucratividade e demanda. São eles:

  • Serviço completo: agências que podem atender a todas ou a maioria das necessidades de um cliente. Elas geralmente contam com uma equipe de designers, criativos, analistas e desenvolvedores que cobrem tudo, desde desenvolvimento, SEO, gerenciamento de redes sociais e campanhas publicitárias.
  • Canal único: são especialistas que atendem a uma área específica do marketing digital. Isso permite que essas agências entreguem resultados únicos para seus clientes.
  • Multicanal: ficam entre as agências de serviço completo e as de canal único. Elas combinam alguns canais de marketing complementares. Por exemplo, SEO e web design ou gerenciamento de redes sociais e anúncios.

Uma agência de marketing digital é um bom negócio?

A pandemia forçou quase todas as empresas a adaptarem suas estratégias de negócios. Uma dessas adaptações foi a forma como elas comercializam com clientes em potencial. Mais pessoas do que nunca passaram a ficar mais tempo em casa e em dispositivos conectados à internet. 

O resultado? Mais clientes em potencial usando estratégias de marketing digital.

Se você deseja capitalizar esta onda, montar uma agência de marketing digital é uma boa ideia.

Se você teve sucesso como freelancer de marketing ou é um profissional experiente, iniciar uma agência de marketing pode ser o próximo passo lógico na sua carreira.

O grande atrativo para administrar um negócio de publicidade on-line é, obviamente, começar a trabalhar por conta própria. Também é possível conquistar clientes maiores que pagam mais, elevando sua receita. No entanto, isso significa mais riscos.

Se você é iniciante ou tem um pouco menos de experiência, recomendamos que faça algumas perguntas antes de mergulhar no mundo das agências. Essas perguntas ajudarão a entender o que é necessário para administrar uma agência de marketing digital de sucesso.

Portanto, a resposta curta é “sim”, uma agência de marketing digital ainda é um excelente negócio. Mas responda às perguntas a seguir para ter certeza:

1. Existe demanda para o seu serviço?

Vamos supor que você queira montar uma agência de marketing digital em parte por conta das suas habilidades na área. Se você realmente tem capacidade ou acredita que pode aprender mais, então a próxima pergunta é: “outras agências estão fazendo o trabalho que eu quero fazer?”

Além disso, você pode se perguntar: “outras empresas estão procurando alguém que faça o que eu faço?”

A melhor maneira de determinar se há demanda para o seu serviço é começar a contatar clientes em potencial.

2. Você pode gerar resultados?

Se você tem experiência como profissional de marketing, deve saber a resposta a essa pergunta. Esta é uma das razões pelas quais começar como freelancer ou conseguir um emprego em marketing digital é tão importante, além de:

  • Ganhar experiência no marketing digital;
  • Descobrir em quais nichos ou serviços você é bom;
  • Construir uma reputação e um portfólio para si mesmo.

Efetivamente entregar resultados pode diferenciar você de uma série de agências que, francamente, fazem muito pouco pelos seus clientes e não usam ferramentas como a Semrush para monitorar resultados.

Apenas com habilidades básicas de vendas, você já consegue montar uma agência se souber como gerar resultados no mercado atual

3. Você consegue montar uma equipe?

A diferença entre ser um freelancer e administrar uma agência é o fato de contar com uma equipe. Escalar o negócio demanda processos e pessoas para gerenciá-los. Contratar funcionários traz consigo uma série de diferentes cenários jurídicos, de recrutamento, treinamento e gestão.

Você gastará muito menos tempo com marketing e mais tempo com diferentes habilidades de negócios. Você consegue lidar com a pressão de gerenciar e desenvolver uma equipe?

4. Você está comprometido o suficiente?

Gerir um negócio é um compromisso a longo prazo. Depois de estruturar uma carteira de clientes e contratar funcionários que dependem de você, a pressão é diária.

Os dias não serão sempre fáceis, o que significa que você terá que trabalhar duro quando as coisas estiverem complicadas como quando demora mais do que o esperado para conseguir o primeiro cliente, quando você perde um cliente ou quando gasta dinheiro com uma ferramenta, curso ou uma contratação que não dá certo.

Por esses motivos, é bom ter uma verdadeira paixão pelo marketing e pelos negócios com os quais deseja trabalhar.

5. O que você quer da sua agência?

Esta questão diz respeito menos a montar uma agência de marketing ou não e mais sobre o que você quer obter com sua empresa.

Como você deseja que sua empresa seja? Montar uma agência de marketing digital sem uma visão clara é como viajar sem um mapa.

Aqui estão algumas ideias que você pode abordar na visão do seu negócio:

  • Algumas agências desejam proporcionar liberdade, então se concentram em clientes que dão pouco trabalho, atuando remotamente e construindo processos simples.
  • Algumas agências querem maximizar os lucros, então se concentram em escalar rapidamente e adquirir clientes maiores.
  • Algumas agências desejam status e reputação, focando em trabalhar com clientes reconhecidos e de alto padrão.
  • Algumas agências desejam ampliar suas oportunidades e se concentrar em parcerias estratégicas com empresas/pessoas que pensam da mesma forma.
  • Algumas agências querem mais criatividade, então aceitam projetos com base em sua capacidade de fazer a diferença.

Não existe uma abordagem única para determinar sua visão e de forma alguma você precisa escolher somente uma.

Quando montar uma agência Quando trabalhar com marketing
Você quer trabalhar por conta própria. Você não quer trabalhar nos fins de semana.
Você gosta de ser líder. Você está mais interessado em trabalhar em projetos do que em encontrar mais clientes por meio de vendas.
Você quer ganhar mais do que a maioria dos empregos pode pagar. Você não gosta de liderar equipes.
Você tem as habilidades e os recursos necessários para gerar resultados aos clientes por conta própria ou contratando outras pessoas. Você não confia o suficiente nas suas habilidades de marketing e precisa de mais experiência.
Você sente que pode ter um impacto maior nos negócios do que como empregado. Ter um emprego permite que você se destaque em todo o seu potencial como profissional de marketing.
Você está infeliz no seu trabalho e não pensa que é por causa de onde trabalha, mas sim que não está trabalhando para si mesmo. Você está feliz no seu trabalho, consegue o que quer dele e não vê isso mudando tão cedo.
Você se sente confortável em diferentes funções e consegue aprender novas habilidades rapidamente. Você prefere apenas trabalhar em algumas áreas-chave em que se destaca e deixar que os outros cuidem do resto.

O modelo de negócios de uma agência de marketing digital

Uma das partes mais difíceis de administrar um negócio é encontrar um modelo de preços lucrativo. Há um equilíbrio delicado entre uma oferta irresistível para a qual seu mercado-alvo dirá "sim" e gerar receita suficiente para pagar seus funcionários e garantir seu lucro.

Uma das perguntas feitas pelos novatos é: “como as agências ganham dinheiro?”

Elas têm a opção de cobrar dos clientes de várias maneiras diferentes, entre elas:

1. Retentor

A maioria das agências usa o modelo de retentores porque eles permitem que os proprietários da empresa se planejem com antecedência, especialmente quando os retentores se transformam em clientes de longo prazo.

Com a previsibilidade de contar com pagamentos antecipados garantidos, as agências, por sua vez, podem entregar melhores resultados aos seus clientes. Curiosamente, a previsibilidade não é algo pelo qual as agências são conhecidas, mas os retentores podem ajudar a mudar isso.

E por que a previsibilidade é importante?

Porque ela permite prever melhor a receita, gerenciar o fluxo de caixa e tomar melhores decisões de contratação. A capacidade de fazer tudo isso é um bom indicador de crescimento

2. Por hora

Outro modelo de precificação popular é o baseado em horas, que também é o mais simples de todos. Basta definir a taxa horária para cada serviço e cobrar do cliente por cada hora gasta em um projeto.

Um erro que as agências cometem ao cobrar por hora é não cobrar o suficiente para compensar as horas que você gasta trabalhando.

Quando gerenciado adequadamente, porém, você tem um modelo de precificação direto que facilita o monitoramento da lucratividade, o gerenciamento das horas da equipe e os cronogramas do projeto. Com o modelo por hora, você elimina qualquer preocupação com o aumento do escopo.

3. Comissão/desempenho

O modelo baseado em desempenho/comissão é frequentemente usado por agências que querem vincular definitivamente seu trabalho a um resultado mensurável para um cliente. Por exemplo: leads gerados que se transformaram em clientes.

Esse modelo de precificação pode ser extremamente lucrativo para agências experientes, confiantes em sua capacidade de gerar bons resultados.

A desvantagem do preço baseado em desempenho é a volatilidade criada pelo fato de que seus clientes podem abandonar o projeto a qualquer momento ou desaparecer na hora de pagar.

Independentemente disso, para cobrar de acordo com o desempenho, as agências precisam estabelecer métricas-chave como o valor da conversão. Para reduzir o risco, algumas cobram uma taxa fixa antecipadamente.

4. Taxa fixa

Como o nome sugere, esse modelo envolve cobrar dos clientes uma taxa fixa pelo projeto. As agências irão estimar o número total de horas necessárias para um projeto e multiplicá-lo por uma taxa horária.

Taxas fixas são boas para agências que oferecem serviços pontuais, como desenvolvimento de sites e auditorias de SEO. Eles também funcionam bem para empresas que oferecem entregas com objetivos bem definidos.

Para que o preço da taxa fixa funcione, você precisa entender muito bem os custos esperados para cada projeto. Esse modelo é bom para agências iniciantes, que podem ter problemas para garantir clientes baseados em retentores.

The Digital Agency Business Model

Leia mais: Precificação para agências de marketing digital: você está cobrando o suficiente por seus serviços?

Passo a passo para montar uma agência de marketing digita

Não há uma ordem obrigatória que você precisa seguir para montar uma agência de marketing. No entanto, separamos as etapas que acreditamos para ilustrar a melhor estrutura para você seguir.

1. Escolha um serviço para oferecer

O primeiro passo é determinar quais serviços você vai oferecer aos seus clientes. Você pode montar uma agência de serviço completo, oferecendo um único serviço ou combinando serviços complementares.

Algumas ideias:

  • SEO;
  • Redes sociais;
  • Anúncios PPC;
  • E-mail marketing;
  • Marketing de vídeo;
  • Marketing de influência;
  • Marketing de conteúdo;
  • Web design.

Um exemplo de combinação de serviços complementares seria uma empresa de web design que oferece serviços de SEO para esses mesmos clientes.

Nosso curso Content and SEO Agency Playbook mostra como fazer sua agência de marketing crescer organicamente por meio de uma estratégia unificada de SEO e conteúdo.

2. Escolha um nicho

A concorrência é grande no marketing digital e já existe um monte de agências por aí. Tentar atender todo mundo fará sua empresa desaparecer em meio às outras.

Escolha se destacar em vez de se buscar um caminho mais fácil. Para isso, escolha um nicho e analise as empresas que atuam nele.

Quanto menor for o seu público-alvo, mais fácil será definir seu tom de voz. Seus clientes entenderão melhor o que você faz e se sentirão à vontade para tomar decisões.

Depois de chegar a esses clientes, você pode criar processos para explorar melhor o seu trabalho. Eventualmente, você pode acabar se tornando um líder de mercado.

Agora, se você quer expandir sua capacidade criativa e gosta de trabalhar com uma variedade de projetos diferentes, desconsidere o conselho acima.

3. Encontre clientes

O lado curioso de administrar uma agência digital é que, provavelmente, o próprio marketing será seu maior desafio. Com cerca de 500.000 agências de marketing no mundo brigando por cada cliente, destacar-se se torna um imperativo.

Como você também é um profissional de marketing, deve estar ciente disso ao apresentar sua empresa a clientes em potencial.

Leia mais: Estratégias para geração de leads para agências de marketing

Separamos cinco maneiras de promover sua agência de marketing digital e obter seus primeiros clientes:

Site

Eventualmente, as pessoas começarão a procurar sua agência on-line. Elas vão fazer pesquisas sobre o seu negócio depois de ouvir a respeito ele por meio das suas ações de outbound marketing. Por isso, é importante direcionar clientes em potencial para o seu site.

Com um site, você pode fazer muito pelo seu negócio, incluindo:

  • Apresentar o seu portfólio;
  • Mostrar suas habilidades de marketing;
  • Falar diretamente com seu mercado-alvo e gerar confiança;
  • Enviar leads de inbound para landing pages específicas por meio de anúncios e do marketing de conteúdo;
  • Construir credibilidade com outbound marketing.

Ao começar um negócio de marketing, velocidade é fundamental. Não gaste muito tempo construindo seu site, a menos que planeje utilizá-lo como seu principal recurso de marketing. Recomendamos construir um site no WordPress.

Leia mais: 5 melhores sites de agências de marketing para inspirar você em 2023

Cold call/Cold mail

O cold mail tem uma fama bastante negativa, e as cold calls ainda mais. No entanto, a verdade é que ambos funcionam.

Se você se pergunta “como as agências de marketing digital conseguem seus primeiros clientes?”, saiba que a resposta é: cold calls e cold mails.

Esses métodos funcionam quando você tem planejamento. Mais uma vez, lembre-se de que toda técnica de marketing que existe está sendo usada à exaustão por outras agências.

Para se destacar com essas estratégias, pesquise cada empresa antes de entrar em contato. A personalização chama a atenção e mostra que você fez o dever de casa.

Leia mais: De agência para agência: abordagens para geração de leads no LinkedIn e cold mail

Portfólio

Quer você tenha um site ou não, você precisa ao menos de um lugar onde possa disponibilizar seu portfólio. Mostre ao seu mercado-alvo que você pode gerar resultados. Um bom portfólio mostrará cronogramas precisos, métricas importantes e um relatório com as razões pelas quais o resultado foi bom.

Marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é uma estratégia usada para atrair e engajar o público, criando conteúdo relevante, como artigos, vídeos e outras mídias. O marketing de conteúdo é uma ótima maneira de construir autoridade, sobretudo quando você tem planos de longo prazo para sua agência.

O marketing de conteúdo pode posicionar você como uma referência na sua área e gerar leads mais qualificados. Crie conteúdo de alta qualidade de maneira constante e tente melhorar o que já existe por aí.

Redes sociais

Você não precisa estar em todos os lugares, mas marcar presença nas principais redes posicionará sua empresa como uma autoridade. Crie perfis nas plataformas que seu público-alvo frequenta.

4. Preste de serviços de qualidade

Se conseguir clientes é metade da gestão de uma agência, a prestação de serviços é a segunda parte.

Como proprietário de uma agência de marketing, você precisa não gastar seu tempo se preocupando com a prestação de serviços. Essa é a diferença crucial entre administrar uma empresa e ser um freelancer.

Um freelancer passa a maior parte de suas horas de trabalho fazendo o serviço para o cliente, enquanto o proprietário de uma agência gasta tempo construindo processos, treinando outras pessoas para fazer o trabalho e encontrando novos clientes.

Esta é a única maneira de você ter tempo para conseguir clientes enquanto gera resultados de qualidade e de forma consistente.

Para uma agência crescer de forma eficaz, você precisa de processos para gerenciar as entregas. Pense nas tarefas que você faz repetidamente; como você pode construir uma estratégia para que elas possam ser concluídas por um computador e/ou delegadas a uma mão de obra mais acessível?

how to start a digital marketing agency

É possível montar uma agência de marketing digital sem ter experiência?

Será que é possível iniciar uma agência de marketing digital sem ter experiência prévia? Se você acompanhou o conteúdo até aqui, já deu o primeiro passo.

Você está se informando.

O melhor do marketing digital é que nunca houve tantas oportunidades para aprendê-lo. Se absorve facilmente novas informações, não há razão para não montar uma agência de marketing.

Leia mais: Os 75 melhores recursos para agências de marketing digital

Ferramentas necessárias para administrar uma agência de marketing digital

Separamos cinco ferramentas para ajudar você a obter uma vantagem em relação à concorrência.

1. Semrush

A Semrush é um conjunto de ferramentas criado para melhorar a visibilidade on-line e descobrir insights de marketing.

Nossas ferramentas e relatórios podem ajudar os profissionais de marketing com os seguintes serviços: SEO, PPC, SMM, pesquisa de palavras-chave, pesquisa competitiva, relações públicas, marketing de conteúdo, informações de marketing e gerenciamento de campanhas.

Além de mais de 50 ferramentas de marketing digital, a Semrush também possui soluções para administrar um negócio de marketing digital no nosso Kit de crescimento da agência:

  • Agency Partners: é um diretório de agências; os leads que procurarem uma agência encontrarão e entrarão em contato com sua empresa;
  • Bid Finder: uma base de licitações de contratos de marketing para agências;
  • CRM;
  • Portal do cliente white label para agências digitais e freelancers;
  • Relatórios automatizados com mensagens personalizadas para agências.

2. Google

O Google pode ajudar a acompanhar o crescimento de marketing, trabalhar em campanhas e acompanhar os membros da equipe. 

O Google possui apps para empresas e ferramentas colaborativas como:

  • Google Docs (Documentos);
  • Google Workspace;
  • Google Ads;
  • Google Perfil da Empresa;
  • Google Sheets (Planilhas);
  • Google Analytics.

3. Zapier

Como uma agência de marketing digital, você pode usar vários aplicativos para gerenciar sua equipe, fazer negócios e trabalhar pelos seus clientes. O Zapier é uma excelente ferramenta que permite criar fluxos de trabalho automatizados no seu conjunto de ferramentas.

O Zapier pode ser uma das ferramentas mais importantes para economizar tempo na sua agência. Integre-o às suas campanhas e ao seu marketing para garantir melhores resultados.

4. Hunter.io

Nos estágios iniciais da administração de uma agência, o tempo parece correr mais rápido enquanto você tenta conseguir seus primeiros clientes e colocar seu negócio no mercado.

Sites, marketing de conteúdo e anúncios são ótimos, mas levam tempo e/ou custam dinheiro. O cold mail permite que você alcance rapidamente clientes em potencial, mas isso apenas se você encontrar as informações de contato deles.

Então, entre no Hunter.io, uma extensão gratuita do Chrome que ajuda você a encontrar contatos na web e gerenciar o alcance de e-mail.

5. Loom

Você provavelmente está familiarizado com o Zoom, mas há uma ferramenta menos conhecida chamada Loom que pode ser um grande trunfo para sua agência.

O Loom é uma extensão do Chrome que permite gravar a tela e o áudio com um clique. Use-o para substituir e-mails longos e chamadas desnecessárias por vídeos diretos ao ponto e informativos.

Leia mais: Melhor software para agências de marketing

Uma agência digital é rentável? E qual é o melhor modelo de negócios?

Conforme detalhamos anteriormente, existem várias maneiras de cobrar de seus clientes. Independentemente da opção que você escolher, a boa notícia é que as agências de marketing digital têm potencial para serem extremamente lucrativas.

O banco de dados da NYU Stern com mais de 7.000 empresas descobriu que a margem de lucro média é de 7,9%.

Sabe-se que as agências digitais têm margens de lucro de até 40% devido à capacidade de trabalhar de forma totalmente remota. No entanto, esta deve ser a última motivação que você precisa para começar uma agência de marketing digital.

Afinal, vale a pena abrir uma agência de marketing digital?

Ao chegarmos ao final deste guia, você pode estar se perguntando: “será que vale a pena abrir uma agência de marketing digital?”.

A resposta é: claro que sim.

Se você tem motivação, comprometimento e as habilidades para gerar resultados para seus clientes, gerenciar uma equipe de profissionais de marketing e promover sua agência para conquistar novos negócios, não há razão para não construir um negócio lucrativo.

Considerações finais

Esperamos que este post tenha ajudado você a montar uma agência de marketing digital.

Se você está pronto para começar seu negócio, há uma ferramenta que se destaca das demais para ajudar os proprietários de agências.

Essa ferramenta é a Semrush, um conjunto de soluções tudo-em-um para melhorar sua visibilidade on-line e descobrir insights de marketing. Nossas ferramentas e relatórios ajudam os profissionais da área que trabalham com os seguintes serviços: SEO, PPC, SMM, pesquisa de palavras-chave, pesquisa competitiva, relações públicas, marketing de conteúdo e gerenciamento de campanhas.

Nosso Kit de crescimento da agência foi projetado especificamente para ajudar as empresas a conseguir mais clientes, fortalecer sua marca e gerenciar sua carteira.

Descubra por que 30% das empresas da Fortune 500 e milhares de empresas em crescimento usam a Semrush.

Compartilhar
Author Photo
Trabalho como Marketing Manager Lead da Semrush no Brasil e sou responsável pelas ações de marketing que envolvem a marca em diferentes canais. Sou apaixonado por comunicação e por aprender cada vez mais sobre o universo do Marketing Digital.
Mais sobre isso