Principais erros de Marketing de Conteúdo que impedem que você tenha resultados reais

54
Wow-Score
A pontuação Wow-Score mostra o quão atrativa é uma postagem de blog. É calculada com base na relação entre o tempo de leitura de usuários ativos, a velocidade de rolagem e o tamanho do artigo.
Saiba mais

Principais erros de Marketing de Conteúdo que impedem que você tenha resultados reais

Renato Mesquita
Principais erros de Marketing de Conteúdo que impedem que você tenha resultados reais

O marketing digital já figura, sem discussões, entre as principais estratégias de marketing — online ou offline — que uma empresa pode usar.

Para se ter consciência da grandeza dessa estratégia 71% das empresas respondentes da pesquisa Content Trends utilizam marketing de conteúdo.

Mas, infelizmente, nem todas as empresas que produzem conteúdo conseguem bons resultados. Alguns erros comuns podem atrapalhar bastante o desempenho de de uma estratégia de conteúdo.

Por isso, é importante ficar de olho em quais são os principais erros cometidos por aí para ficar longe deles.

Esse conteúdo será focado em equívocos que prejudicam uma estratégia, caso queira aprender como criar uma estratégia eficiente, confira o nosso passo a passo para a criação de uma estratégia de Marketing de Conteúdo.

Para te ajudar, fizemos uma lista dos 13 piores erros, e como você pode evitá-los.

1. Falhar na definição da persona

A persona é a representação do seu cliente ideal, uma espécie de personagem fictício, mas baseado em dados reais das pessoas que já compraram de você.

A persona serve para indicar com maior clareza quem é o público que você deve buscar atrair, pessoas que não vão apenas consumir o que a sua empresa produz, mas que têm chances reais de se tornar clientes também.

Isso quer dizer que errar na hora de definir a sua persona pode fazer com que todo o conteúdo produzido seja voltado para um público errado, o que resultaria no fracasso completo da estratégia.

2. Pensar apenas no curto prazo

O marketing de conteúdo é uma estratégia extremamente efetiva, desde que você tenha paciência e entenda que se trata de um esforço a longo prazo.

Mas isso não é algo ruim, até porque uma vez que os resultados começam a aparecer, eles se perpetuam por muito tempo. O erro no qual muitos caem é esperar vendas ou leads de forma imediata.

Quando isso não acontece, culpam a estratégia (ou quem presta o serviço), a abandonam por completo e partem para as estratégias que usavam antes.

Pense que o marketing de conteúdo é como uma plantação. Você precisa plantar e regar, mas também vai ter de esperar com paciência até ver os frutos do trabalho.

3. Não seguir um calendário editorial

O calendário editorial serve para organizar o que vai ser publicado no seu blog, e garantir que a estratégia de conteúdo tenha uma ordem definida para dar melhores resultados.

Quando o calendário editorial não é seguido (em muitos casos, ele nem sequer existe) fica muito difícil manter a regularidade das publicações, saber que assuntos já foram abordados ou não e planejar a divulgação dos posts.

O impacto dessa desorganização e falta de controle obviamente vai ser negativo sobre os resultados, e a sua empresa vai ter muito mais dificuldade de atrair tráfego e gerar engajamento com o público.

A dica não poderia ser outra: crie um calendário editorial e o siga de perto. Sem isso, vai ser muito mais difícil conquistar os objetivos definidos para a marca.

4. Ignorar o funil de vendas ao produzir conteúdo

O funil de vendas não existe sem motivo, é feito considerando como o consumidor moderno se comporta. Seguir esse funil vai melhorar o desempenho do seu conteúdo e garantir que os resultados venham.

O funil tem três partes: topo, meio e fundo. De forma resumida, não se deve falar dos produtos e serviços na primeira etapa, mencioná-los sutilmente na segunda (sem vender) e apenas na última parte, falar ativamente deles.

O problema é que muitas empresas querem pular direto para a terceira parte, oferecendo seus produtos ou serviços para os visitantes que ainda não estão prontos para comprar.

Para evitar esse erro, tenha em mente de cada etapa do funil.

5. Deixar de documentar a estratégia

Por melhor que seja a sua memória, não dá para criar uma estratégia completa de marketing de conteúdo e não colocá-la por escrito.

Primeiro, porque um planejamento de conteúdo envolve diversos elementos, e fica fácil se esquecer deles com o passar do tempo.

Além disso, a estratégia evolui com o tempo, e a falta de um documento para atualizar as decisões é outra receita para a desorganização, falta de comunicação e, consequentemente, fracasso.

É importante que cada colaborador saiba quem é o responsável por função, e mesmo que a sua equipe seja pequena documentar tudo continua sendo essencial.

6. Criar conteúdo superficial

Como já falamos no início do artigo, o marketing de conteúdo se tornou quase obrigatório para a maioria das empresas.

Ironicamente, alguns acham que isso é motivo para produzir conteúdo superficial, como se fosse uma questão de fazer porque todo mundo faz. Erro grave.

O consumidor atual está acostumado a encontrar informações relevantes e completas na web, ou seja, se o seu conteúdo não tiver qualidade e relevância, dificilmente vai chamar a atenção de alguém.

Com isso em mente, tire tempo para produzir peças de conteúdo realmente úteis, ou terceirize o serviço para uma empresa qualificada.

7. Não medir resultados

Peter Drucker, um dos mestres da gestão empresarial, já dizia: “o que não pode ser medido, não pode ser gerenciado.” O mesmo se aplica ao seu planejamento de conteúdo.

Como saber que artigos fazem mais sucesso com sua persona? O que precisa de ajustes, e o que está dando certo? Todas essas perguntas (e muitas outras) só serão respondidas com a análise de resultados, que se dá por acompanhar métricas relevantes.

Deixar de acompanhar esses indicadores é um dos piores erros que você poderia cometer!

E ainda existe um erro escondido dentro desse: muitos até se preocupam em fazer essa análise, mas só se preocupam com as métricas de vaidade, que passam uma ilusão de sucesso, mas não ajudam nos resultados.

O scenário atual de marketing digital exige a constante produção de conteúdos interessantes e valiosos para chamar a atenção de usuários e aumentar o engajamento. Se você está criando conteúdos considere usar as ferramentas poderosas que podem ajudar a polir seu conteúdo e adicionar o toque de profisionalizmo. A SEMrush preparou o Guia Definitivo de Marketing de Conteúdo para te...

Obtenha PDF gratuito

8. Esquecer de promover o conteúdo

Não adianta nada produzir o melhor conteúdo do mundo se ninguém ficar sabendo que ele existe. Isso exige de você um processo de divulgação consistente.

Alguns entendem isso como publicar uma vez nas redes sociais e achar que o post vai viralizar, mas essa ideia não passa de mito.

É importante ter um cronograma de postagem nas redes sociais, mas não faça isso uma vez só, nem faça disso sua única esperança.

Também existem muitas outras formas de chamar atenção e conseguir tráfego, como produzir guest posts, enviar e-mail marketing, republicar o conteúdo no Medium e no LinkedIn Pulse e muitas outras alternativas.

10. Não otimizar os conteúdos para SEO

O SEO também é uma importante fonte de tráfego para o seu blog e outros canais digitais, mas pode ser um tanto maçante otimizar cada post para que os mecanismos de busca encontrem mais facilmente.

Mesmo assim, isso não deve ser desculpa para não fazer o trabalho completo, certo? É parte do trabalho pensar no SEO de forma integrada com o restante da estratégia.

Um bom trabalho de SEO pode multiplicar o seu tráfego e fazer da sua empresa autoridade no nicho de mercado sobre o qual produz conteúdo.

11. Fazer conteúdo sem personalidade

Será que a sua persona conseguiria diferenciar seu conteúdo se o visse em meio a outros 100 blog posts na internet? Se a resposta é não, provavelmente falta personalidade nos conteúdos. Como assim?

O marketing de conteúdo trata de estabelecer uma relação entre marca e consumidor. Quando temos uma amizade com alguém, fica fácil distinguir o jeito de falar, o tom da voz e o tipo de assunto sobre o qual a pessoa conversa.

O mesmo tem de acontecer com o seu conteúdo. Não seja como a maioria nem siga um estilo jornalístico (imparcial e impessoal). Defenda suas opiniões e se preocupe em manter a consistência no tom e nos tópicos sobre os quais fala.

12. Vender em vez de educar

Quer ver algo interessante? Esse erro só acontece como resultado dos erros #2, #4 e #6 dessa lista.

Quando o foco é só em vender, o marketing de conteúdo perde todo o sentido, pois você abandona os princípios do Inbound Marketing (ao qual o marketing de conteúdo pertence) e passa para uma abordagem direta de vendas.

É como se tentasse colocar um motor de caminhão em um carro esportivo, nunca vai dar certo!

Pode ser difícil, mas deixe o papo de vendedor de lado e comece a agir como alguém que quer realmente ajudar. Se trabalhar para educar sua persona, as coisas vão dar certo.

13. Colocar o planejamento de conteúdo em segundo plano

Não é de esperar que o marketing de conteúdo seja sua única estratégia para atrair e reter clientes. O erro que muitas empresas cometem é não saber como manter diferentes ações ao mesmo tempo.

Só porque as iniciativas de curto prazo estão funcionando, não significa que você deve deixar o conteúdo de lado. Se fizer isso, terá de recomeçar tudo do zero mais tarde.

Basta um desses erros de marketing de conteúdo para colocar uma estratégia por água abaixo. Como princípio básico, lembre-se sempre que o foco primário deve ser criar valor e construir um relacionamento com a sua persona. Se fizer isso, as vendas acontecerão de forma muito mais natural.

Quer saber como tornar a seu investimento em marketing ainda mais eficiente?Confira nosso conteúdo e aprenda a criar um estratégia verdadeiramente impactante de Marketing Digital!

Gostou desta postagem? Siga-nos no RSS e leia mais postagens interessantes:

RSS
Compartilhar esta postagem
or

Comentários

2000 caracteres restantes

Inscreva-se no Blog da SEMrush para receber conteúdo útil direto na sua caixa de email.

Digite um e-mail válido
Confirme que você aceita nossos Termos e condições e Política de privacidade.

Obrigado!

Você se inscreveu no nosso blog com sucesso.