Otimização para pesquisa por voz: 7 estratégias de SEO prontas para usar e obter melhores ranqueamentos

Himanshu Rauthan

Oct 18, 201915 min read
Otimização para pesquisa por voz: 7 estratégias de SEO prontas para usar e obter melhores ranqueamentos

A pesquisa por voz pode ter começado como um conceito pequeno, mas agora é uma das tendências mais importantes no setor de pesquisa. A facilidade de pesquisar por voz é inigualável, e os usuários adoram a praticidade do recurso.

O conceito de pesquisa por voz começou com os smartphones e rapidamente passou para smart speakers e assistentes de voz em todo o mundo. Hoje estamos vivendo uma revolução na pesquisa por voz com quase todas as gerações recebendo essa forma de pesquisa de braços abertos.

Quantidade de assistentes de voz em uso no mundo inteiro de 2019 e 2023 (em bilhões)

img-semblog

Com o aumento quase quântico na pesquisa por voz prevista, é fundamental criarmos conteúdo otimizado para ela. Caso contrário, teremos dificuldade em obter tração orgânica. Considerando a forte concorrência pelas posições nos mecanismos de pesquisa, o caminho vai ficar mais difícil nos próximos tempos.

Até o final deste artigo vou fazer você entender todo o conceito de pesquisa por voz e como ranquear bem o seu site e seu conteúdo.

Para quem ainda está em dúvida, a pesquisa por voz é um sistema de diálogo aprimorado e muito avançado.

O que é um sistema de diálogo?

Como o nome sugere, um sistema de diálogo é uma configuração de computador criada para dialogar com um ser humano. Ele usa diferentes modos de comunicação, como texto, fala, gestos, etc., como sinais de entrada e saída.

Embora todo sistema de diálogo tenha componentes diferentes, um gerente de diálogo é uma constante em todos eles. Ele analisa a semântica e gerencia a estratégia de diálogo.

O uso do primeiro sistema de diálogo falado remonta a 1977, e inclui constante pesquisa e desenvolvimento no caminho. Com os avanços tecnológicos percorremos um longo caminho para desenvolver um dos sistemas de diálogo mais úteis.

O reconhecimento automático de fala (Automatic speech recognition, ASR) é usado para alimentar sinais de entrada nos dispositivos de pesquisa por voz. Alguns deles também incluem conversão de texto em fala (TTS) para compartilhar resultados.

A ativação do assistente virtual nem sempre é necessária para uma pesquisa em um dispositivo de pesquisa por voz. Assim que o dispositivo receber um sinal ele detectará o idioma em que a consulta foi feita. As palavras-chave da consulta serão captadas e a consulta será respondida de acordo.

Alguns dispositivos com telas podem exibir os resultados, enquanto todos os outros dispositivos responderão ao usuário por voz. O estilo "conversa" de qualquer dispositivo de pesquisa por voz é um grande motivo para sua popularidade.

Por que a Pesquisa por voz está crescendo?

Imagine que você está na cozinha preparando um prato novo e se esqueceu das etapas da receita. Como todo mundo você provavelmente não quer usar seu smartphone com as mãos sujas.

Será que existe alguma solução? Por exemplo você pode usar o seu assistente de pesquisa por voz para repetir toda a receita e prosseguir com a preparação.

Existem dezenas de situações e exemplos como o acima, em que a pesquisa por voz salva o dia para nós.

Algumas razões importantes de por que a pesquisa por voz está lentamente se tornando o  assunto quente são:

Pesquisa por voz é mais rápida e fácil

Não há dúvida de que a pesquisa por voz é mais rápida que os métodos tradicionais de pesquisa;  isso é o principal motivo para as pessoas adotarem a tendência.

Razões principais para usuários de celulares no mundo inteiro usam a pesquisa por voz:

img-semblog

Uma pesquisa mais rápida resulta na entrega mais rápida de respostas.

A pesquisa por voz é mais conveniente

Em nosso mundo digital, onde tempo é dinheiro, ninguém gosta de digitar as perguntas. Quando a resposta está apenas a distância de uma frase, as pessoas tendem a escolher o caminho mais fácil.

Se tivéssemos que escolher entre digitar e falar uma consulta “qual é o segundo pico mais alto do mundo depois do Monte Everest”, todos escolheríamos a segunda opção por razões óbvias.

img-semblog

A Pesquisa por voz é adaptada para dispositivos móveis

É provavelmente a maior razão para a pesquisa por voz ser tão popular e viral entre o público hoje. Os smartphones deram lugar a assistentes de pesquisa e smart speakers, porque os usuários mobile usam mais a pesquisa por voz.

Segundo o BrightLocal, 56% de todas as pesquisas por voz são feitas em um smartphone.

A estatística acima enfatiza bastante a importância do celular no que diz respeito à pesquisa por voz; o celular é essencial para o setor de pesquisa. Assim como as pesquisas tradicionais, as pesquisas por voz em dispositivos móveis superam as de outros dispositivos.

As pessoas acham muito fácil usar seus smartphones fazendo pesquisas por voz em qualquer lugar.

Como a Pesquisa por voz é diferente da Pesquisa tradicional

Pedir que um dispositivo busque resultados para sua consulta não é o mesmo que digitar uma consulta em um desktop. Pesquisar com a nossa voz é diferente por seguintes razões:

As palavras-chave da Pesquisa por voz são mais longas e do estilo conversacional

Quando conversamos com um dispositivo inteligente e fazemos perguntas, geralmente fazemos toda a pergunta, em vez de usar apenas algumas palavras-chave.

Quando estamos usando um desktop podemos digitar "fazer bolo pudim" ou "receita de bolo pudim".

Quando usamos a voz, podemos perguntar: "Ei, Alexa, como faço um bolo de pudim em casa?"

Se você reparar o comprimento das palavras-chave nas duas pesquisas acima é diferente, com nossa consulta por voz mais longa e mais conversacional. O especialista em PPC e gerente sênior da Microsoft, Purna Virji, afirmou que as palavras-chave da pesquisa por voz são maiores em comparação com as palavras-chave da pesquisa em texto.

img-semblog

O insight acima tem um impacto direto em como pesquisamos palavras-chave para conteúdo.

Pesquisa Local é uma prioridade para voz

A maior quantidade de solicitações de pesquisa por voz é de pesquisas de coisas e locais "perto de mim"; confirmando dois pontos:

  1. As pessoas usam a pesquisa por voz para encontrar lugares para visitar, hotéis para ficar, restaurantes para comer em qualquer lugar.
  2. Além de lugares, as pessoas também precisam de informações sobre tempo e coisas próximas.

img-semblog

Agora que sabemos que as pesquisas "perto de mim" são bastante comuns, é hora de dar uma olhada nos diferentes locais de onde essas pesquisas são feitas:

img-semblog

Como você pode ver o uso da pesquisa por voz está aumentando em locais públicos, como teatros, banheiros, restaurantes etc. A maioria dessas pesquisas procura empresas locais e informações relativas a essas empresas.

Os resultados da pesquisa por voz são rápidos e diretos

Os resultados de nossas pesquisas por voz são principalmente os snippets em destaque que obtemos nas pesquisas tradicionais. O Google depende muito de gráficos de conhecimento e rich snippets para responder a consultas por voz.

Os usuários desejam obter resultados rápidos e o Google entende isso. O mesmo se aplica à pesquisa por voz, onde as respostas diretas são a prioridade.

Essas respostas diretas são lidas em resposta à consulta para fornecer resultados instantâneos.

img-semblog

Geralmente, o Google retorna o resultado do rich snippet quando alguém pesquisa com voz;, criando resultados instantâneos, que são uma característica conhecida dos resultados da pesquisa por voz.

Pesquisa de palavras-chave para Pesquisa por voz

Agora que temos uma ideia de como a pesquisa por voz funciona e quais são as características dela, precisamos entender o processo de pesquisa de palavras-chave para essa tendência de pesquisa.

Alguns pontos a serem lembrados ao preparar palavras-chave para pesquisas por voz são:

  • Segmente palavras-chave de pergunta Como falamos acima, as consultas de pesquisa por voz contêm muitas palavras como: como, o que, quando, por que e onde. Na próxima vez que você adicionar palavras-chave para pesquisa por voz, inclua-as.
  • As palavras-chave de cauda longa completam uma pergunta e as pessoas seguem esse modelo ao usar a pesquisa por voz. Não podemos negligenciar palavras-chave de cauda longa quando otimizamos para pesquisas por voz.
  • É necessário incluir "palavras de preenchimento"  que tornam a consulta mais conversacional e humana. Os exemplos de palavras de preenchimento são "eu, o, do, no, para, para" etc.

Os pontos acima são fundamentais para o sucesso de sua pesquisa de palavras-chave para pesquisa por voz. Sua estratégia de palavras-chave deve levar todos eles em conta para obter melhores resultados.

Não será fácil, mas vai dar certo. Para facilitar o processo de pesquisa de palavras-chave, recomendo a SEMrush.

Estive usado essa ferramenta por um tempo e ela sempre entrega ótimas informações. A variedade de palavras-chave que você obtém com essa ferramenta é enorme.

img-semblog

Há uma seção específica, "Análise de palavras-chave", que abrange todos os pontos de pesquisa. Conforme mostrado na captura de tela acima, ao pesquisar qualquer palavra-chave, obtemos palavras-chave "relacionadas" e opções de "correspondência de frase" para segmentar a cauda longa.

img-semblog

“Keyword Magic Tool” é tudo o que você sempre sonhou ter em uma ferramenta de inteligência de palavras-chave. O diferencial dela é que ela fornece todos os resultados em um só lugar. As palavras-chave de pergunta são indispensáveis ​​para ranquear nos resultados de pesquisa por voz, e a SEMrush também fornece essas informações.

img-semblog

Quando pesquisamos um assunto na ferramenta " Topic Research, ela retorna uma lista de perguntas comuns relacionadas ao tópico. Essas palavras-chave podem ser espalhadas pelo seu conteúdo para obter melhores ranqueamentos nas consultas de pesquisa por voz. Veja a imagem abaixo.

img-semblog

SEMrush é uma solução completa de pesquisa de palavras-chave para pesquisas tradicionais e por voz. Com acesso a essa ferramenta e boa pesquisa de palavras-chave, a probabilidade de ranquear para consultas de pesquisa por voz é bastante alta.

Estratégias para otimizar seu conteúdo para pesquisa por voz

Na era da pesquisa por voz, em que a concorrência só ficará mais forte nos próximos tempos, profissionais de marketing e SEO devem criar o hábito de otimizar seu conteúdo para pesquisa por voz. Essa tática ajudará a obter melhores ranqueamentos para pesquisas por voz e aumentar seu alcance orgânico.

Queremos compartilhar algumas estratégias comprovadas de otimização de pesquisa por voz:

1. Otimize para Rich Answers

O estudo de pesquisa por voz da SEMrush constatou que "70% de todas as respostas de pesquisas por voz ocupam a posição do SERP Feature (60% dos resultados eram snippets em destaque)". É provável que a maioria dos dispositivos inteligentes com capacidade de pesquisa por voz fornecem uma resposta semelhante para consultas específicas, e a resposta é quase sempre um Rich Answer.

Precisamos aprender alguns termos de SEO para entender isso:

Gráfico de conhecimento - a base de conhecimento do Google, que armazena e absorve todos os fatos diferentes sobre pessoas, lugares e coisas.

Painel de conhecimento - as informações (em uma pequena caixa) que vemos à direita dos resultados da pesquisa sempre que pesquisamos uma empresa no Google. A informação dessa caixa vem do gráfico de conhecimento.

Caixa de conhecimento - Semelhante ao Painel de conhecimento, contém informações factuais provenientes do Gráfico de conhecimento que aparecem exatamente como outros resultados de pesquisa regulares.

Snippet em destaque - o Google exibe essas informações de fontes de terceiros acima de resultados orgânicos e anúncios; isso é feito para fornecer aos usuários respostas rápidas e concisas (confira um estudo sobre como aparecer nos snippets em destaque).

RIch Answer - Sempre que um resultado de pesquisa contiver algum dos recursos acima, ele é chamado de Rich Answer

Para oferecer a melhor experiência do usuário, o Google geralmente responde as perguntas com Rich Answers, e houve um aumento substancial deles ao longo dos anos.

Como aparecer nos resultados Rich Answers

img-semblog

Para aparecer na área de Rich Answers nosso conteúdo deve ranquear na posição zero, o que automaticamente torna ele a melhor opção para aparecer nos resultados de pesquisa por voz. Todo o nosso trabalho na criação de conteúdo  será em vão se nossa resposta não for lida em voz alta para consultas de pesquisa por voz.

O essencial para estudo de keywords

Ferramenta Keyword Magic da SEMrush

ADS illustration

2. Repense e reestruture seu conteúdo

Como a pesquisa por voz é muito mais conversacional do que as pesquisas tradicionais, precisamos analisar nosso conteúdo e a estrutura dele novamente. O objetivo é incluir perguntas e respostas sucintas para melhorar o layout do conteúdo e torná-lo mais amigável à pesquisa por voz.

O estudo da Backlinko diz que o Google prefere respostas curtas e concisas para consultas de pesquisa por voz e o resultado típico de pesquisa por voz tem apenas 29 palavras. O estudo de pesquisa por voz da SEMrush descobriu que "o tamanho das respostas retornadas foi praticamente o mesmo para todos os dispositivos (cerca de 41 palavras em média)".

Essas são informações valiosas sobre como estruturar o conteúdo para ter uma classificação melhor nos resultados de pesquisa por voz.

Inclua Perguntas freqüentes (FAQs) em suas páginas e blogs de produtos; eles incluem palavras-chave de perguntas e são curtas. Esses dois fatores são pré-requisitos para ranquear bem na pesquisa por voz. O formato no estilo FAQ facilita para o Google o processo de extrair conteúdo do seu site e exibi-lo como um rich snippet.

Usar pontos para dividir seu conteúdo em pequenos fragmentos é outra prática recomendada que ajuda na melhor classificação nos resultados de pesquisa por voz.

3. Use linguagem "conversa" para o conteúdo

O estilo "conversa" é uma característica principal de uma consulta de pesquisa por voz que precisamos aproveitar. Quanto mais usamos a linguagem robótica em nosso conteúdo, menos chances temos de aparecer nos resultados da pesquisa por voz.

Podemos nos beneficiar enormemente do uso de linguagem natural em tudo o que escrevemos e publicamos na web. Quando usamos a linguagem natural temos muito mais chances de aparecer nos resultados de perguntas verbais.

Compreender a intenção do pesquisador é fundamental se você quiser saber como as pessoas fazem consultas verbais. Você precisa estudar e antecipar o estilo de consulta que as pessoas escolham ao usar a pesquisa por voz.

  • Que tipo de palavra-chave de pergunta as pessoas estão usando?
  • Qual é o estilo de conversação deles?
  • Que tipo de perguntas eles usam mais?
  • Que tipo de resposta é mais adequado para essas consultas?
  • Quais respostas têm um bom desempenho e são exibidas como resultados de pesquisa por voz?

Informações com base em dados,com respostas às perguntas acima permitem que você tenha uma ideia do que as pessoas querem quando pesquisam por voz.

Plataforma de Conteúdo da SEMrush

Dê Força à sua Estratégia de Conteúdo com Dados

ADS illustration

4. Segmente frases-chave de cauda longa

Sim, as pesquisas por voz são mais longas que as pesquisas feitas usando um teclado devido ao estilo conversacional delas. Além disso, todos sabemos que o Google gosta de conteúdo completo de formato longo. Não podemos preparar o conteúdo separadamente para cada termo de pesquisa por voz, mas certamente podemos incluir todos os termos em uma publicação completa.

Os criadores de conteúdo podem usar essa informação ao desenvolver conteúdos longos incluindo todas as palavras-chave de cauda longa que aparecem nas consultas vocais.

Confira um exemplo de um artigo segmentando uma palavra-chave de cauda longa no título:

img-semblog

Palavras-chave de cauda longa e palavras de preenchimento devem ser focadas em obter o melhor desempenho nos resultados de pesquisa por voz.

5. Melhore o tempo de carregamento do seu site

Apesar de ser um fator essencial para ranqueamento na pesquisa por voz, esse ponto geralmente passa despercebido. Mas isso não diminui a importância dele.

Os usuários desistem mais rapidamente dos sites que demoram mais para carregar em comparação com os sites rápidos. A velocidade de carregamento do site tem um impacto direto na taxa de rejeição e, portanto, deve ser otimizada a todo custo.

E digo mais, o Google lançou o Speed ​​Update, que enfatiza a importância de otimização do tempo de carregamento do site. Quando se trata de pesquisas por voz, as regras são praticamente as mesmas. Os usuários de pesquisa por voz precisam de resultados imediatos e, se você tiver um site lento que leva uma eternidade para carregar, seu conteúdo não será usado para responder a perguntas verbais.

Segue um checklist do que você deve ou não deve fazer para obter boas velocidades de carregamento do site:

  • Use imagens e vídeos compactados no seu site.
  • Use "async" e "adiar" para facilitar a análise de JavaScript.
  • É aconselhável usar estruturas CSS3 e HTML5, que carregam páginas da Web móveis rapidamente.
  • Minimize Style Sheets e JavaScript e diminua a quantidade de solicitações HTTP.
  • Reduza os redirecionamentos e o número de plug-ins que você usa.
  • Use uma rede de fornecimento de conteúdo (CDN).

Resumindo,a velocidade lenta de carregamento da página pode afetar a taxa de rejeição e a taxa de conversão do seu site.

Google Page Speed Insights e PingDom são boas ferramentas de teste de velocidade de sites, e devemos usá-las para otimizar o tempo de carregamento do site.

6. Foque no Mobile

Todos os grandes anúncios no evento Google I / O 2019 estavam diretamente relacionados ao mundo Mobile.  O Google enfatiza a importância de experiência de usuários em dispositivos móveis e promete melhorar a cada dia.

O celular supera facilmente outros dispositivos quando se trata de consultas de pesquisa por voz, porque a maioria das perguntas verbais está feita no celular. Você deve estar bem preparado para oferecer uma incrível experiência de usuário móvel.

Criar conteúdo otimizado para celular com uma abordagem mobile-first é fundamental, e precisamos levar em conta algumas maneiras de conseguir isso:

  1. Crie um site responsivo para celular.
  2. Faça teste de compatibilidade com dispositivos móveis e otimize o seu site de acordo.
  3. Seu site deve ser rastreável para garantir visibilidade e exposição ao seu conteúdo.

Mobile é o futuro da pesquisa, e isso  também inclui consultas vocais. Prepara um site responsivo para celular é uma prática recomendada de SEO que não deve ser ignorada.

7. Aproveite as listagens do Google Meu Negócio

Já sabemos que as pessoas usam a voz para fazer pesquisas "perto de mim". O fator que determina se classificamos para essas pesquisas é a nossa listagem do Google Meu negócio.

img-semblog

Uma listagem do Google Meu negócio é uma maneira de informar ao Google que sua empresa está localizada em um determinado local. Quando alguém pede ao Google para exibir empresas semelhantes numa área determinada, sua empresa pode classificar para essa consulta.

Nome, endereço e número de telefone devem ser incluídos na sua listagem. Além disso, é essencial escolher as categorias de negócios certas e fornecer códigos de área. Você também pode adicionar ofertas especiais, notícias ou atualizações para destacar sua empresa.

Se você ainda não possui uma listagem do Google Meu negócio, é hora de fazê-la. Melhore o seu SEO local e você verá os resultados positivos imediatamente.

Outra maneira de ranquear para pesquisas "perto de mim" é segmentar palavras-chave locais e obter ranqueamentos de pesquisa mais altas. É altamente recomendável incorporar dados estruturados usando o Schema.org para obter melhor desempenho nos mecanismos de pesquisa.

Bônus: Melhore a legibilidade do conteúdo

Escrever conteúdo bom e legível é praticamente uma obrigação, mas ainda assim negligenciamos esse ponto. A escrita boa com um nível de leitura padrão ajuda a classificar nosso conteúdo.

Recomendamos alcançar uma pontuação em torno de 8 da Índice do Flesch Kincaid, de acordo com um estudo de pesquisa por voz.

img-semblog

Evitar o jargão técnico e usar linguagem natural simples é a melhor prática aqui.

Conclusão

A cada ano que passa, a pesquisa por voz cresce mais, e em breve estará em todo lugar, tornando-se o maior assunto. O comportamento do consumidor está mudando constantemente e os profissionais de marketing devem estar preparados para qualquer tendência de marketing  para atender às expectativas.

Muitos gigantes da tecnologia como Google, Amazon e Microsoft já estão otimizando para pesquisa por voz para ter uma vantagem sobre os concorrentes. Especializar-se em SEO de pesquisa por voz e monetização é fundamental para competir.

As estratégias listadas acima ajudam a ranquear melhor na pesquisa por voz e a criar uma estratégia de otimização  Qual estratégia funciona melhor para você? Conhece mais estratégias que eu não mencionei? Deixe o seu comentário abaixo.

Assista o nosso Webinar "Linkbuilding 2.0 - Como construir uma estratégia que traz resultados"

Author Photo
Himanshu RauthanHimanshu Rauthan is an entrepreneur, Co-Founder at MakeWebBetter(https://makewebbetter.com/), CedCommerce, BotMyWork, MageNative, and the Director of CEDCOSS Technologies. He has worn many hats in his career - programmer, researcher, writer, and strategist. As a result, he has a unique ability to manage multi-disciplinary projects and to navigate complex challenges. He is passionate about building and scaling eCommerce development.
Subscribe to learn more about SEO
By clicking “Subscribe” you agree to Semrush Privacy Policy and consent to Semrush using your contact data for newsletter purposes