logo-small logo-small_halloween

Guia Passo-a-passo de auditoria de Conteúdo

57
Wow-Score
A pontuação Wow-Score mostra o quão atrativa é uma postagem de blog. É calculada com base na relação entre o tempo de leitura de usuários ativos, a velocidade de rolagem e o tamanho do artigo.
Saiba mais

Guia Passo-a-passo de auditoria de Conteúdo

Alina Petrova
Guia Passo-a-passo de auditoria de Conteúdo

Na hora de planejar a sua estratégia de conteúdo a primeira ideia que passa pela sua cabeça é de criar e distribuir conteúdos novos. E muitas vezes depois de postar conteúdos não pensamos em atualizar ou reutilizá-los. De acordo com um estudo recente, 37% de especialistas de marketing nunca fizeram uma auditoria de conteúdo, e nem sabem que uma auditoria de conteúdo, feita regularmente, pode melhorar e muito a sua estratégia de Marketing de Conteúdo.

Essa tática ajuda a descobrir as forças e fraquezas para adaptar seus conteúdos à seus objetivos de marketing e atividades.

Uma boa auditoria de conteúdo consiste de 5 passos.

Passo 1: Define Suas Metas e Métricas

Para começar precisamos definir nossos objetivos.

Pense nos objetivos gerais da sua empresa - quais benefícios a auditoria de conteúdo pode trazer? Quais resultados você quer alcançar?

Seguem alguns exemplos de metas que você pode escolher para sua auditoria

Meta 1: Melhorar os Resultados de SEO

  • Identificar as páginas com maior potencial de ranqueamento nos top-5

  • Descobrir conteúdos que devem ser atualizados ou retirados do seu site

  • Verificar e otimizar seus links internos.

Meta 2: Aumentar o Engajamento

  • Identificar os tipos de conteúdo que geram maior engajamento do seu público

  • Descobrir os temas que seu público acha mais interessantes

Meta 3: Melhorar a Taxa de Conversão

  • Entender quais páginas oferecem a melhor experiência de usuários para os visitantes

  • Definir os conteúdos que geram mais leads

  • Definir os tipos de conteúdos mais eficientes para cada estágio da Jornada de Compra

Assim que você definir suas metas, precisa escolher as métricas adequadas.

As métricas de conteúdo podem ser divididas em 4 categorias:

  1. Métricas de comportamento de usuário

    Visitas de página, duração de sessão, taxa de rejeição, etc.

  2. Métricas de engajamento

    Curtidas, compartilhamentos, menções, comentários etc.

  3. Métricas de SEO

    Tráfego orgânico, backlinks, ranqueamentos de palavras-chave, etc.

  4. Métricas de vendas:

    Quantidade de leads, conversão. ROI, etc.

Por exemplo, caso queira descobrir quais são os temas mais populares entre o seu público, analise o comportamento de usuários e as métricas de engajamento. Se preferir focar em seu desempenho de SEO, analise a quantidade de backlinks e os ranqueamentos.

Passo 2: Faça Inventário de seu Conteúdo

Antes de começar de coletar os URLs e dados, é importante decidir qual tipo de conteúdo você quer revisar. Você pode focar em conteúdos internos (posts de blog, notícias, materiais educacionais, descrições de produto e landing pages) ou publicações externas.

Colete os URLs

Para começar, colete os URLs de páginas que você quer analizar. O jeito mais eficaz de fazer isso é de usar uma ferramenta analítica, por exemplo o Content Audit da SEMrush. Essa ferramenta consegue rapidamente auditar seus conteúdos com base nos dados do seu sitemap e providenciar a lista de páginas mais importantes.

Ao configurar o seu projeto poderá escolher uma secção particular do seu domínio, por exemplo, /blog.

contentaudit1.png

Se você não tiver um sitemap, crie um com a ajuda de uma ferramenta de criação de sitemaps. Sitemap não é só importante para auditoria de conteúdo mas também para para facilitar o trabalho dos rastreadores de máquinas de busca que com a ajuda de sitemap conseguem entender melhor a organização do seu site e encontrar páginas importantes.

Faça Categorização de seus Conteúdos

Agora que você já coletou os URLs, crie uma planilha para categorizar seus conteúdos.

Você pode rastrear as seguintes categorias:

  • Etapas da Jornada de Compra (Aprendizado, Reconhecimento, Consideração, Decisão)

  • Tipo de conteúdo (post de blog, manual, descrição de produto, landing page)

  • Formato de conteúdo (texto, texto com imagens/vídeos, texto com call-to-action etc)

  • Quantidade de palavras

  • Data de publicação ou última atualização

  • Autor (caso você tiver vários autores no seu site)

Também é muito recomendado coletar metadados )título, descrição meta, H1) para cada conteúdo. Isso permite revisar e atualizar todos os metadados num lugar só.

Acrescente informações sobre métricas para cada conteúdo.

contentaudit2.png

Passo 3: Colete e Analise os Dados

A coleta de dados é um processo complexo e demorado. Você precisa levantar dados de várias fontes e adicioná-los manualmente à sua planilha. Se quiser economizar tempo, use uma ferramenta de auditoria de conteúdo que coleta os dados automaticamente de acordo com as suas necesidades.

A ferramenta Content Audit da SEMrush coleta os sinais sociais do Twitter, Facebook, Google+, LinkedIn, backlinks e sinais dos usuários (quantidade de visitas, duração de sessão e taxa de rejeição).

Ela também consegue coletar os metadados, autores de conteúdos e a quantidade de palavras para cada URL.

Com a ajuda do recurso “Post Tracking” você pode rastrear o desempenho de seus conteúdos externos.

contentanalyser3.gif

Se quiser coletar ainda mais dados, confira a nossa lista de ferramentas que podem te ajudar:

  • Google Analytics ajuda a encontrar os conteúdos com melhor desempenho em termos de tráfego, engajamento e conversão.

  • SEMrush Position Tracking permite rastrear os ranqueamentos de suas palavras-chave para encontrar conteúdos com bom potencial de SEO (por exemplo, as páginas com ranqueamento entre os primeiros 5 resultados). Atualizando essas páginas você consegue melhorar suas posições nas máquinas de busca.  

  • Content Insight. Essa ferramenta permite definir o tipo de seu conteúdo, coletar metadados e dados sobre o desempenho de suas imagens, documentos e vídeos nas páginas.

  • Content Square permite analisar o comportamento de usuários para entender o que funciona melhor na sua página. Você pode analisar o impacto, desempenho e usabilidade para encontrar partes que precisam de melhorias.

  • SEMrush Site Audit. Se estiver procurando melhorar seus ranqueamentos, use a ferramenta Site Audit para identificar os erros técnicos do seu site.

Como analisar seus dados?

Você precisa avaliar todas as suas métricas de conteúdo para obter a imagem completa.

Por exemplo, a sua página consegue atrair bastante tráfego, mas sofre com uma taxa de rejeição elevada e duração curta de sessões. Isso significa que o seu tema interessa os usuários, mas o seu conteúdo não os trouxe aquilo que eles esperavam encontrar.

Tente entender o porquê dessa reação. O problema pode ser na baixa relevância de títulos com o conteúdo, CTAs ou a velocidade de carregamento.

Considere também as etapas diferentes da Jornada de Compra. Seus conteúdos de Aprendizado podem atrair bastante tráfego mas ter uma taxa de conversão baixa etc

Avalie seu Conteúdo

Com a ajuda de dados coletados e métricas, avalie cada conteúdo, considerando seus objetivos e o coloque numa das seguintes categorias:

  • Manter

Os conteúdos com bom desempenho provavelmente não precisam de atualização. Considere reutilizar esse conteúdo para alcançar mais usuários

Exemplos: conteúdo “evergreen”, FAQs, informações gerais sobre o sua empresa

  • Atualizar

As páginas cujo desempenho não é tão bom assim merecem uma segunda chance. Avalie o conteúdo e encontre o jeito de fazê-lo eficaz. Alguns conteúdos também podem conter informações desatualizadas que precisam ser revisadas.

Exemplos: artigos sobre tendências, estatísticas e estudos com dados, conteúdo de baixo tráfego e conversão.

  • Deletar

Caso não é possível melhorar um conteúdo ou seria muito difícil atualizá-lo, as vezes é melhor remover o conteúdo do site. Isso também é válido para landing pages criados para campanhas de marketing que já passaram.

Exemplo: conteúdo relacionado à um evento ou atividade, páginas de produtos que não estão mais em estoque, conteúdo duplicado.

Passo 4: Crie um Plano de Ação

Assim que você avaliar seus conteúdos crie um plano com atividades para melhorá-los. O plano de ação deve ser baseado em seus objetivos e nas conclusões que você tirou do análise.

Algumas possíveis ações incluem:

  1. Reutilização de conteúdo.

    Tente combinar diferentes conteúdos para criar um novo ou inovar no formato (ebook, infográfico, slides, etc)

  2. Reescrever o conteúdo.

    Se você tiver posts de baixo desempenho, tente reescrevê-los, adicionando novos exemplos, dicas e informações práticas.

  3. Atualize seu conteúdo.

    Em alguns casos não é preciso reescrever todo o artigo, você pode simplesmente adicionar algumas informações relevantes (por exemplo, novas estatísticas ou informações sobre o produto)

  4. Estruture seu conteúdo.

    Uma estrutura clara e lógica ajuda os usuários e crawlers a interpretar melhor seu conteúdo. Além disso, os artigos com estrutura clara têm mais chances de aparecer nos Featured Snippets.

  5. Atualize os CTAs.

    Substitui os banners antigos com ofertas atuais e relevantes para melhorar suas conversões

  6. Adicione vídeos

    De acordo com os estudos, vídeos podem aumentar o tráfego orgânico em até 157%. Além disso foi provado, que os usuários passam mais tempo nas páginas que contêm vídeos.

  7. Adicione imagens

    Isso pode aumentar o engajamento do seu conteúdo e atrair mais tráfego para o seu site de Google Imagens. Integrando vídeos e imagens você aumenta suas chances para aparecer nos SERP features.

  8. Optimize metadados.

    Tente reescrever os títulos, descrições meta e H1. Use outras palavras-chave para chamar mais atenção.

  9. Otimize links internos.

    Adicione links que apontam para artigos novos com temas relacionados. Isso pode melhorar a organização do seu site e diminuir a taxa de rejeição.

  10. Verifique a saúde do seu site

    Ela também pode impactar o seu SEO. Confira nossa pesquisa recente sobre 40 erros técnicos de SEO para aprender mais sobre os problemas mais frequentes

  11. Use redirecionamentos 301 para páginas que foram removidas do seu site.

    Isso permite evitar “páginas não encontradas” e melhora a experiência de usuários.

  12. Notifique o Google sobre as atualizações usando Google Search Console

    O recurso “Fetch as Google” permite enviar a lista de páginas atualizadas para o Google.

Para otimizar o trabalho do seu time na hora de fazer a auditoria de conteúdo, use o recurso ‘Workflow’ da ferramenta Content Audit.

contentaudit4.gif

Esse recurso permite criar tarefas e definir um status para cada URL. Agora você pode monitorar as métricas e rastrear seu desempenho sem sair da ferramenta.

Passo 5: Faça ajustes na sua Estratégia de Marketing de Conteúdo

Auditoria de conteúdo é um processo importante para a sua estratégia de longa data. Seus sucessos e falhas permitem ajustar suas estratégias de marketing de conteúdo adaptando seus conteúdos para seu público-alvo, melhorar o texto para um melhor alcance orgânico e as taxas de conversão.

A sua estratégia é uma ferramenta que precisa ser ajustada diariamente, já que o ambiente digital está em mudança permanente e você precisa acompanhá-las para encontrar novas formas criativas de falar com seu público.

O que está dando certo hoje pode falhar amanhã, por isso é tão importante fazer auditorias de conteúdo algumas vezes por ano.

Faz a auditoría perfeita de seu conteúdo

Otimize sua auditoria de conteúdo com a SEMrush

Digite o seu domínio (ex. www.exemplo.com)

E você, já fez auditoria de conteúdo alguma vez? Compartilhe a sua experiência conosco nos comentários!

Je suis responsable du Content Marketing chez SEMrush France et rédactrice sur ce blog.
Passionnée par la création de contenu, j'écris des articles sur le Content marketing, le SEO et la stratégie digitale.
J'ai plus de trois ans d'expérience dans la rédaction et la traduction de contenu pour le web.
Adresse mail : a.petrova@semrush.com
===========================================================================================
Content Marketing manager at SEMrush French Marketing team.
I write about Content Marketing, SEO and Digital Strategy.
My email: a.petrova@semrush.com
Compartilhar esta postagem
or

Comentários

2000 caracteres restantes
Obrigado Alina!
Apenas sugiro que a ferramenta permita a captura da base de dados das url para Excel ou Access.
Líferson Skrzek de Freitas
Uau! Artigo top! Há pouco tempo atrás, publique um post sobre SEO no meu blog falando sobre os primeiros passos com SEO. Este artigo de vocês veio em ótima hora! Obrigado!
Richard Portela
Obrigado Alina Petrova. Muito boas dias, gostei muito do Plano de Ação
Alina Petrova
Richard Portela
Olá, Richard! Obrigada pelo comentário :)