Como gerar engajamento na sua fan page no Facebook

De acordo com a pesquisa Social Media Trends 2017, o Facebook é a maior rede social do mundo.

Para se ter uma ideia da sua popularidade, o Brasil é o 3º país mais ativo no site (com o equivalente a 103 milhões de usuários), ficando atrás apenas dos Estados Unidos e da Índia.

No início, o Facebook era utilizado apenas como uma rede social de amigos e de familiares.

Com o sucesso, a plataforma foi se transformando e abrindo o seu leque para outras finalidades. Um exemplo é a possibilidade de criação de fan pages (páginas criadas dentro do Facebook, geralmente utilizadas para a comunicação direta de uma empresa com os seus seguidores).

Confira o nosso guia para você aprender a criar e gerenciar sua Fan Page.

Além da grande oportunidade de atingir milhares de pessoas, o Facebook ajuda a aproximar e a conhecer melhor o público, fazendo que uma empresa aprimore as suas ações. Sem contar que ajuda a criar e a promover autoridade da sua marca no mercado.

Mas, para isso, é necessário que os seguidores se envolvam e interajam com a página, ou seja, curtam, comentem e compartilhem as suas publicações.

Para te ajudar nessa missão, vamos mostrar, neste post, o que você deve (e o que não deve) fazer para gerar engajamento na sua fan page. Vamos lá?

Defina a sua persona

A 1º coisa que você precisa definir é o perfil dos seus fãs.

Dessa forma, você poderá criar o material de acordo com as características e as preferências dos seus clientes e dos seus possíveis clientes.

Para isso, você pode criar uma persona, que nada mais é do que a representação fictícia do seu cliente ideal.

Muitos confundem com público-alvo, e na verdade não é bem isso. O público-alvo geralmente é definido de forma mais ampla, com dados básicos como idade, sexo, localidade, profissão etc.

a persona é tida de maneira mais detalhada. Além das características utilizadas no público-alvo, a criação de uma persona leva em consideração informações mais profundas, como os seus objetivos, os seus desafios e as suas dificuldades.

Para você entender melhor, veja o perfil resumido de uma persona:

Maria Cláudia é jornalista, tem 27 anos, solteira e não tem filhos. Possui uma rotina agitada com trabalho, academia e afazeres domésticos. Por isso, tem pouco tempo. Nas suas horas livres, adora navegar na internet e acessar as redes sociais para se atualizar sobre as últimas notícias do Brasil e do mundo. Para isso, seleciona muito bem os sites e as páginas nas redes sociais para se informar e prefere aqueles conteúdos que são mais enxutos e de fácil leitura.

Conseguiu entender a diferença? Para saber passo a passo de como criar uma confira o nosso guia: Persona.

Produza vídeos

Os vídeos são a nova sensação do momento e têm ganhado a preferência daqueles que não possuem o hábito da leitura.

A expectativa é de que, em 2020, 82% do tráfego da internet seja gerado por vídeos. Os dados vieram da Cisco.

No Facebook, eles são o tipo de conteúdo mais compartilhado, sendo assim, mais chances de serem vistos por mais pessoas.

Você pode produzir vídeos com diversos conteúdos interessantes e com uma boa aceitação do público, como apresentação de novidades, dicas e tutoriais para usar produtos, cobertura de eventos relacionados ao seu mercado de atuação, entre outros.

Abaixo, elencamos algumas dicas na hora de produzi-los:

  • qualidade: o som e a imagem precisam ter qualidade. Não precisa ter equipamentos profissionais, que muitas vezes custam caro e ficam inviáveis para grande parte das empresas. Mas, hoje, contamos com materiais com um ótimo custo-benefício (há, inclusive, smartphones com excelente qualidade!). Preste atenção na iluminação e prefira gravar durante o dia;

  • formato: você precisa utilizar o formato exigido pela plataforma. No caso do Facebook, os vídeos são aceitos apenas em formato .mp4;

  • duração: evite fazer vídeos muito longos. Preze sempre por ser direto e objetivo! Desde os primeiros segundos do vídeo, deixe claro sobre qual é o assunto que você vai tratar para prender a atenção do usuário.

Crie conteúdos úteis e valiosos

É muito importante que você produza e publique conteúdos que realmente sejam úteis e que tenham valor para o cliente.

Uma boa forma de conseguir isso é se colocar no lugar dos seus clientes: o que você gostaria de ver? Qual conteúdo seria útil para você? A publicação poderá te ajudar de alguma forma?

É fundamental que você use a linguagem ideal para o seu público. Esse é um bom momento para usar a sua persona como base para te ajudar nessa parte.

Além disso, faça conteúdos em diversos formatos, inclua ilustrações, imagens ou vídeos nas mensagens.

Assim, os usuários não vão ficar entediados e você poderá perceber quais são os tipos de assuntos e de publicações que eles mais gostam.

Mas não se esqueça de sempre manter um padrão — a sua identidade. Isso possibilita que o usuário perceba com facilidade que o conteúdo é seu.

Responda os seus fãs

Muitos usuários utilizam os comentários de publicações para tirar dúvidas ou fazer sugestões. Não deixe de responder ninguém!

Principalmente aqueles comentários com críticas (não os apague jamais!). Responda com educação e tente solucionar o problema do cliente.

Se for preciso, deixe uma mensagem avisando que entrará em contato de forma particular para resolver a situação da melhor maneira. Isso fará que o consumidor fique mais contente e que outros usuários vejam como a sua empresa se preocupa com a satisfação dos clientes.

Você também pode criar posts abertos, fazendo perguntas para os seus consumidores e “ouvindo” o que eles têm para falar da sua marca.

Esse tipo de interação permite que você estreite o relacionamento e tenha novas ideias de acordo com que pode ser útil e interessante para o seu público.

Mensure os resultados

O Facebook disponibiliza uma série de informações para os usuários que possuem uma fan page. Com esses dados, é possível que você veja quais publicações tiveram mais visualizações e engajamento.

Você deve unir essa análise com as interações como curtidas, comentários e compartilhamentos.

Com isso, você pode verificar qual tipo de publicação os usuários mais gostam, aprimorar os conteúdos e melhorar os seus resultados.

Veja algumas métricas que você pode mensurar:

  • número de fãs: ver o número de fãs da sua página aumentar é um dos seus principais objetivos, certo? Essa métrica mostra o quanto você está atraindo os usuários, sendo visto e quantas pessoas querem receber mais informações sobre a sua marca;

  • alcance das publicações: essa métrica mostra o número de pessoas para as quais a sua publicação foi exibida. Quanto maior o engajamento, maior será o seu alcance;

  • taxa de envolvimento: essa taxa mostra quantas pessoas tiveram envolvimento com a publicação, levando em consideração quantas curtidas, comentários e compartilhamentos ela gerou. É uma maneira de analisar a qualidade do seu conteúdo e se os usuários estão realmente gostando dos seus posts.

Não faça isso

Assim como há ações que ajudam a gerar mais engajamento na sua página, existem também aquelas que fazem o caminho inverso. Veja os erros mais comuns que você pode estar cometendo e que, provavelmente, estão causando a baixa no engajamento da sua a fan page:

  • Definição errônea da persona

Já falamos da importância da definição da persona. Essa descrição será a base para todas as ações posteriores. 

Se as características da persona não estiverem definidas e muito claras, você pode cometer uma série de erros como utilizar a linguagem errada e produzir conteúdos desinteressantes para o seu público.

  •  Spam

A frequência das postagens é fundamental, mas publicar conteúdos novos ou antigos de maneira exagerada acaba poluindo a timeline dos usuários, que provavelmente vão parar de seguir a sua página.

  • Falta de treinamento da equipe

De fato, boa parte das pessoas têm um conhecimento básico sobre como usar as redes sociais.

Mas quando o assunto é fan pages de empresas, é preciso ter um conhecimento mais aprofundado de marketing digital, das funcionalidades do Facebook e de como se comunicar com o cliente.

Portanto, é imprescindível que a equipe seja treinada para esse trabalho.

  • Divulgação exclusiva de produtos e de serviços

De maneira geral, todo trabalho realizado na fan page tem como objetivo a divulgação de produtos e de serviços. Mas todas as estratégias tratam dessa divulgação indiretamente.

Os posts mais incisivos de propaganda até podem acontecer, mas devem ser realizados em menor frequência.

Além disso, sempre procure utilizar a criatividade para que fiquem mais atraentes e interessantes.

  • Não verificar o melhor horário para as publicações

De nada adianta fazer publicações na sua fan page em dias e em horários que a sua persona geralmente não está conectada ao Facebook.

Para saber os momentos ideais para postar, é importante ficar atento quando as publicações que tiveram mais engajamento foram postadas.

Isso também depende do dia a dia da sua persona. Se ela for uma professora, por exemplo, é provável que acesse o seu perfil nos horários de folga, como o almoço ou o fim da tarde.

E você, quais técnicas usa para trazer mais resultados para as suas fan pages? Compartilhe conosco nos comentários!

Comentários

Add a comment
Ultimamente tenho utilizado muito o chatbot. Apesar de a interação não ser diretamente na fanpage, ajuda a trazer fans para sua página e aumentar a interação entre a marca e os clientes.